O Pecado da Murmuração

Pr. Cláudio Campi

A murmuração é um dos piores tipos de pecados, pois é diária e diretamente contra Deus

Murmuração

O principal pecado que o cristão comete durante todo o ano é o da murmuração. Murmuração é ofensa a Deus! Murmurar traz graves conseqüências. quando os Israelitas murmuraram contra Deus, Ele enviou serpentes ao deserto, os fez voltar pelo caminho do deserto, rumo ao mar Vermelho, andando em círculos por quarenta anos, até que se consumisse toda aquela geração. Estavam salvos, porém não desfrutaram da terra prometida. O crente que murmura, está salvo, porém não entra no reino de Deus enquanto ainda é peregrino na terra, vive em retrocesso de vida, sua casa não se firma, seus planos fracassam.


Murmuração é um ladrão da alegria. Murmuração é como um buraco negro que suga toda a luz da vida do crente, que rouba a sua alegria, a gratidão. E a ingratidão é uma sementeira fértil para o desânimo, para o esfriamento espiritual, para a apostasia. A murmuração é um dos piores tipos de pecados, pois é diária e é diretamente contra Deus. Ela entristece o coração de Deus. O crente que murmura é como uma mulher rixosa dentro de casa, que entristece aos seus entes próximos, que enfraquece os relacionamentos (Pv 21:9). A murmuração não é um pecado típico de um vacilo momentâneo, de um momento de fraqueza, de falta de vigilância. Não! Ela é constante e produz amargura.


Jesus, nosso parâmetro de vida cristã, jamais permitiu que de sua boca saísse uma só palavra impura. Ele foi oprimido e humilhado, mas não abriu a boca (Is 53:7). A murmuração entristece ao Espírito Santo, pois revela que nosso coração não está contente com o que Ele tem nos concedido, que não cremos em Sua Palavra quando diz que todas as bênçãos espirituais estão em Cristo Jesus. Se todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, porque murmurar quando algo me acontece que não tenha sido conseqüência de pecado? E se for por conseqüência de pecado, tenho razão em murmurar? Não! Não há campo, em hipótese alguma, para a murmuração na vida do crente.


Se murmuro, é porque estou olhando para o desejo ou circunstância e não para Deus e Seus planos ou princípios. Se murmuro é porque não aceito Sua vontade sobre mim. Jesus disse: Se permanecerdes em mim, e as minhas palavras permanecerem em vós, pedireis o que quiserdes, e vos será feito. Nisto é glorificado meu Pai, em que deis muito fruto; e assim vos tornareis meus discípulos. Como o Pai me amou, também eu vos amei; permanecei no meu amor. Se guardardes os meus mandamentos, permanecereis no meu amor; assim como também eu tenho guardado os mandamentos de meu Pai e no seu amor permaneço. Tenho-vos dito estas coisas para que o meu gozo esteja em vós, e o vosso gozo seja completo (Jo 15:7-11). Jesus quer que tenhamos gozo completo e jamais murmuração.


Jesus não pode deixar de ser o centro de nossas vidas, em momento algum. Temos sempre que ter em mente o conhecimento de quem é Jesus: Deus todo Poderoso! El Shadday! O Verbo eterno, sem o qual nada se fez no mundo (Jo 1:1).


Se sofremos, é por conseqüência de pecado ou com um propósito de Deus. Se permanecemos glorificando ao Senhor, mesmo no sofrimento, somos fortalecidos e o Pai é glorificado. É uma honra ser um eleito de Deus para a glória do Pai! Permanecer no Senhor é colocar os problemas no altar de Deus, para que Ele próprio resolva por nós. Quando fazemos isso, temos paz e gozo completos!


Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vo-la dou como a dá o mundo. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize (Jo 14:27). Isto só será possível quando Cristo for o centro de nossas vidas!


O motivo principal que nos leva a murmurar, ser impaciente, ingrato, é sem dúvida a falta de permanência com o Senhor! Quem não sabe separar tempo para desfrutar da presença de Deus, através da Sua Palavra, da oração, da meditação, do louvor, perde as oportunidades de ver Jesus operar. Em Marcos 8:1,2 vemos uma multidão sendo alimentada pelo Senhor só porque estava em sua presença durante três dias. Deus sabe e provê tudo o que necessitamos, mas se não nos “assentarmos” não saberemos desfrutar do alimento que nossa alma tanto procura e que o Senhor já nos dispôs. Se comemos apressadamente, “de pé”, não saborearemos e tudo aquilo que recebemos de Deus perde a graça rapidamente. O melhor de Deus passa a ser motivo de murmuração e não de gratidão: Se quiserdes e me ouvirdes, comereis o melhor desta terra (Is 1:19). Ao contrário, Deus quer de nós que sosseguemos e descansemos nEle: Porque assim diz o SENHOR Deus, o Santo de Israel: Em vos converterdes e em sossegardes, está a vossa salvação; na tranqüilidade e na confiança, a vossa força, mas não o quisestes (Is 30:15) .


Deus deu prova incontestável de Seu amor por nós! Porque então não tomamos posse deste amor, que é real? João, o apóstolo do amor, referia-se a si próprio como “o discípulo amado”, mas Jesus amava a todos os discípulos igualmente, assim como ama a todos nós da mesma forma: intensamente! Como o Pai me amou, também eu vos amei; permanecei no meu amor (Jo 15:9). João não era MAIS amado que os outros. A diferença entre João e os outros discípulos é que ele tinha consciência de que era muito amado por Jesus. E isso fazia grande diferença no relacionamento dele com Jesus, a ponto de ter confiança em reclinar sua cabeça no peito de Jesus. Assim deve ser conosco também: devemos ter plena consciência de que somos muito amados por Jesus e nos entregarmos em confiança no relacionamento diário com Ele. Se conseguirmos isso, nosso gozo será completo e não haverá espaço para nenhuma murmuração. Como o Pai me amou, também eu vos amei; permanecei no meu amor. Se guardardes os meus mandamentos, permanecereis no meu amor; assim como também eu tenho guardado os mandamentos de meu Pai e no seu amor permaneço. Tenho-vos dito estas coisas para que o meu gozo esteja em vós, e o vosso gozo seja completo (Jo 15:9-11). Graças a Deus por Jesus Cristo, o amado de nossas almas!


Agradecer a Deus por Jesus Cristo deve ser nosso principal propósito diário, durante todo o ano. Quando agradecemos, não há espaço para a ingratidão, a murmuração, o abatimento: Em tudo, dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco. Não apagueis o Espírito (1 ts 5:18,19)

36 opiniões sobre “O Pecado da Murmuração”

  1. Eu tenho uma dúvida muito grande. Desabafar com a minha mãe é pecado? Ás vezes alguém me fala alguma coisa que me deixa magoada. Ás vezes as pessoas tocam no meu ponto fraco, e eu fico com muita vontade de chorar. E quando acontece isso me dá muita vontade de contar para a minha mãe e dizer o que estou sentindo, porque quando eu converso com ela me sinto aliviada, e quando eu não conto para ela o que aconteceu eu continuo triste. Já sou adulta, tenho 24 anos de idade, mas ás vezes minha mãe me conforta. Se quando acontecer alguma coisa ruim comigo e eu desabafar com a minha mãe estarei pecando?

    Curtir

    1. Não, filha, isso não é pecado. Pelo contrário, isso é demonstração de companheirismo com sua mãe e esses desabafos fazem parte da cura. Guardar tristezas, sem ter com quem compartilhar, faz adoecer o corpo.

      Você não deve é ficar comentando com todas as pessoas, mas apenas com quem realmente pode te ajudar, como é sua mãe, no caso.

      O Senhor Jesus te abençoe e guarde de todo o mal.

      Curtir

  2. pastor não vim falar só dizer pra muitos dos seus seguidores que um dia eu também já fui a sim murmuradora por quase 11 anos mas devido um ocorrido que ouve no ultimo dia 02 04 2013 na avenida maruipe de um carro desgovernado que passou muito próximo de mim muitos virão esse vídeo pós esta na enternte esta rodando o mundo sabe porque porque ali o senhor me falou parre de murmurar dês daquele dia num ca as murmurei a prendi a lição ado seja Deus de uma forma muto tragica mas aprendi paz

    Curtir

    1. Glória a Deus, irmã, porque o Senhor usou de poder para livrá-la da morte e para abrir-lhe os ouvidos espirituais. E glória a Deus que a irmã ouviu a voz do Senhor e compreendeu.

      O acidente que a irmã cita está no link http://gazetaonline.globo.com/_conteudo/2013/04/noticias/cidades/1426906-acidente-na-avenida-maruipe-deixa-tres-mortos-na-manha-desta-terca-feira.html para que todos possam assistir e também ouvir a voz de Deus.

      Oremos para que o Senhor console as famílias do motorista e seus auxiliares, que morreram no acidente.

      Curtir

  3. Graça e paz! Murmuro muito pela perca num relacionamento de quase 7 anos, pelas atitudes e pelas situações que vivo, fico inconformada e sempre reclamo com alguem. Não quero ser assim. Esse estudo me ajudou muito. Obrigada!!!

    Curtir

  4. Reclamo o dia todo com tudo, ate com meu filho de 2 anos, vivo impaciente, estressada, nervosa … Fui passar uns dias com minha irmã e ela disse que eu murmurava demais, entrei na internet, neste site e descobri que estava pecando e entristecendo o coracao de Deus, pedi misericordia dele e ja faz 14 hs que nao reclamo de nada, que Deus me ajude a permanecer calada e paciente. Amém mari

    Curtir

  5. A PAZ A MINHA MÃE É MUTO MURMURADORA, RECLAMA DO QUE COMER, DO QUE VESTIR, FALA QUE DEUS NÃO A AMA E MUITO MAIS… JÁ FALEI PRA ELA QUE MURMURAÇAO LEVA AO INFERNO , MAS ELA FALOU QUE EU NÃO SOU DEUS PARA JULGAR… EU NÃO JULGO NINGUÉM APENAS FALO A VERDADE QUE É A PALAVRA DE DEUS , ME AJUDE EM ORAÇÃO O NOME DELA É SILÉIA E TAMBÉM POR SALVADOR, DORINHA, GIZELE E FAMILIA, GEISE E FAMILIA. TENHA UMA BOA NOITE!!!

    Curtir

    1. Que a bondade e a misericórdia de Deus seja com sua mãe, Geise, assim como com você também, para ser paciente com ela, é minha oração a favor de vocês.

      Curtir

Escreva seu Comentário ou pergunta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s