Divórcio tem perdão?

Pergunta:

 

Pr., boa tarde. Eu queria um esclarecimento pois não consigo entender.

 

Conheci um rapaz que foi casado há 9 anos e neste casamento nunca foi feliz. A sua ex-esposa é uma pessoa revoltada e o humilhava. Ela odeia a família dele não aceitava que ele fosse visitá-la. Não era mulher submissa, o ofendia em palavras não permitia que ele tivesse cargos dentro da igreja, pois era tudo que queria, ter uma intimidade maior com Deus. Enfim, viveu esse fracasso.

 

Com tudo isso ela acabou afastando-o da igreja e jogou-o no mundo. Ele se tornou um homem muito infeliz pois o que adiantava viver uma falsa felicidade? A família dele o apoiou a sair de casa e o acolheram. Porém ele vive com aquela maldição em sua cabeça por ouvir as pessoas dizerem que será condenado por Deus para toda vida pois Deus não aceita o divórcio.

 

Agora me diz, Deus não é misericordioso? Sendo misericordioso, porque deixaria seu filho neste sofrimento? Ele não pode ser feliz em um novo casamento? Só quem vive essa angústia ao ponto de pedir a Deus pra morrer é que sabe o que ele está passando. Não concordo com pessoas que dão a sentença dizendo que pra esse pecado Deus não perdoa. Todos têm o direito de serem felizes na vida.

 

Gostaria de ser respondida. Agradeço desde já. Andrea

 

 

Resposta:

 

Irmã,

 

biblicamente ninguém, seja cristão ou não, pode divorciar-se e casar-se novamente, pois uma vez casado tornou-se uma só carne com seu cônjuge. O novo casamento não é um DIREITO assegurado na Bíblia. O divórcio por adultério sim, embora a vontade de Deus é que ninguém se divorciasse, mas sim que perdoasse e restaurasse a aliança conjugal.

 

O divórcio é pecado sim e Deus abomina o divórcio, assim como abomina a mentira. Uma só mentira, por exemplo, cujo autor não tenha se arrependido, pode levá-lo à morte eterna. Quantas mentiras falamos durante nossa vida? Milhares! Quantos divórcios uma pessoa pode cometer? Poucos. E ambos, divorciados ou mentirosos, que se arrependerem, terão o perdão de seus pecados: “Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça” (1 Jo 1:9).

 

Deus é misericordioso sim e todo pecador pode encontrar a terna misericórdia do Senhor, caso se arrependa e O busque de todo o coração. E isso, amada, vale para todos os pecadores, sejam eles divorciados ou mentirosos, assassinos ou idólatras. O ÚNICO pecado imperdoável é o pecado de blasfêmia contra o Espírito Santo: “Por isso, vos declaro: todo pecado e blasfêmia serão perdoados aos homens; mas a blasfêmia contra o Espírito não será perdoada” (Mt 12:31).

 

Filha, um segundo casamento não é algo que se planeje como um direito líquido e certo. Quando Jesus abriu a perspectiva do divórcio foi exclusivamente em caso de adultério, mas Ele não foi adiante na mensagem autorizando novo casamento. “Eu, porém, vos digo: quem repudiar sua mulher, não sendo por causa de relações sexuais ilícitas, e casar-se com outra comete adultério (e o que casar-se com a repudiada comete adultério)” (Mt 19:9).

 

Biblicamente, quem está disposto a divorciar-se, tem também que estar disposto a viver solteiro daí em diante. Solteiro e sem pecar. Mas, muitos não sabem disso, ou não sabiam antes da sua conversão, pois são ignorantes quanto à Palavra de Deus e por isso divorciam-se como se fosse algo normal. Infelizmente essa situação é muito frequente no Brasil e no mundo, segundo as estatísticas.

 

Os pastores que casam divorciados o fazem baseados na grande misericórdia de Deus, pois reconhecem que é melhor casar a pessoa do que deixá-la viver sempre abrasada e pecando por imoralidade, seja em atos ou pensamentos: “E aos solteiros e viúvos digo que lhes seria bom se permanecessem no estado em que também eu vivo. Caso, porém, não se dominem, que se casem; porque é melhor casar-se do que viver abrasado” (1 Co 7:8,9).

 

Mas, antes de buscar um novo casamento, esse rapaz que você conhece deve buscar a ex-esposa e perdoá-la, assim como pedir-lhe perdão, pois certamente ele também pecou frente a ela em muitas ocasiões. Deve ainda orar para que Deus a transforme e, havendo possibilidade, restaure o amor entre ambos. Isso não é impossível para Deus!

 

Ele precisa também voltar-se para Deus, pedir perdão pelo pecado, por ter saído da presença do Senhor que tanto queria. Casamento ruim, esposa “jararaca” não impede ninguém de buscar a Deus verdadeiramente. Afinal, o Senhor não está somente na Igreja. Não é necessário um cargo ministerial para se ter a presença de Deus no coração. Ele saiu da presença de Deus porque quis e não por causa da esposa jararaca.

 

E quanto a você, deve esperar pacientemente, que as coisas se arranjem, seja por um lado, seja por outro. E seja prudente, porque se esse rapaz não voltar-se para Deus verdadeiramente ele não será um bom marido, principalmente por estar tão machucado na alma.

 

Filha, um segundo casamento é muito mais difícil do que o primeiro e que nem sempre conseguimos realizar todos os nossos sonhos e desejos. É necessário muita renúncia por parte de ambos os cônjuges. Um segundo casamento envolve pessoas sofridas, falidas no relacionamento anterior, com traumas e feridas na alma, problemas não resolvidos, ofensas não perdoadas. E eles carregarão isso consigo por toda a vida. Um segundo casamento assim só dará certo, se for com alguém que ame mais a Jesus Cristo do que ao próprio cônjuge e filhos.

 

Também há muitas variáveis externas que afetam um segundo casamento, pois não se trata somente de duas pessoas, mas de muitas pessoas envolvidas: ex-esposa, ex-marido, filhos de um lado, filhos do outro lado, ex-sogras, ex-cunhados, etc. Isso sem falar das questões financeiras, como pensão para a ex ou para os filhos; despesas extras além da pensão; com quem ficam os filhos no final de semana, férias, etc..

 

Por isso, irmã, muita prudência e, principalmente, muita oração. Uma mulher “solteira” pode ser muito mais feliz do que uma casada. A mulher mal casada está encalhada, enquanto que a solteira é livre.

 

Que a graça e a paz do Senhor esteja com você.

 

José Adelson de Noronha

113 opiniões sobre “Divórcio tem perdão?”

  1. pastor moro com um rapaz há quatorze anos e dessa união tenho dois filhos. Quando eu o conheci ele já era separado da primeira esposa e não tem filhos com ela nessa época eu não era cristã não conhecia a verdade hoje sou evangélica e fico com essa mágoa dentro de mim eu não me perdoo como faço? posso casar com ele e legalizar a minha situação ?

    Curtir

    1. Irmã, biblicamente você não poderia ter iniciado essa “união”, porém a misericórdia de Deus triunfa sobre o juízo, ou seja, vai além, a ponto dele ter-lhes concedido dois filhos.

      Você e seus filhos são a família dele. Ore a Deus e peça-lhe que tenha misericórdia de vocês, permitindo-lhes que oficializem a união, abençoando-lhes o lar e os filhos.

      Veja mais a respeito da maravilhosa Graça de Deus e da Salvação na mensagem:

      http://verboeterno.wordpress.com/2009/03/30/a-graca-de-deus-e-suficiente/

      Eu oro e peço ao Senhor que tenha misericórdia de vocês e lhes abençoe, em Nome de Jesus.

      Curtir

    1. Por iniciativa do cristão, não! Apenas se o não-cristão quiser divorciar-se então é permitido.”aos casados dou este mandamento, não eu, mas o Senhor: Que a esposa não se separe do seu marido. Mas, se o fizer, que permaneça sem se casar ou, então, reconcilie-se com o seu marido. E o marido não se divorcie da sua mulher. Aos outros, eu mesmo digo isto, não o Senhor: Se um irmão tem mulher descrente, e ela se dispõe a viver com ele, não se divorcie dela” (1 Co 7:10-12)

      Curtir

  2. A paz do Senhor pastor gostei muito do seu blog,tenho duvidas sobre algumas coisas a respeito desse assunto pofavor me ajude a entender.Fui casada com u pastor que ja estava divorciado à 5 anos eles tiveram 3 filhos,eles se divorciaram por varias razões uma delas foi adulterio.a questao é que do meu casamento com ele nasceu um filho que esta com 6 anos,aconteceram varias situaçoes dificeis entre nós uma delas foi violência doméstica adulterio.estamos divorciados eu quero saber se o meu casamento com ele foi certo ? se posso me casar de novo?e se nosso filho recebeu alguma maldição desse relacionamento e posso ter esperança na restauração pois não queria me divorciar ,perduei tudo o que ele me fez ainda o amo e não sei se é certo orar para Deus restaurar meu casamento sedo que a primeira mulher ainda é viva.quero entender sou evangélica e ele é padtor,um abraço.

    Curtir

    1. Irmã, está tudo errado na vida deste homem e nos casamentos dele. Voltar com ele não é boa pedida e sua oração, nesse momento, deveria ser de gratidão a Deus por livrá-la do mal. Voltar com ele é voltar o mal em sua vida: adultério, violência, culpa.

      Seu casamento com ele foi um erro e foi pecado de adultério, pois casou-se com um homem casado. Seu filho não é maldito por causa disso, pois os filhos são herança do Senhor. No entanto, seu filho estava sendo criado num ambiente contaminado pelo pecado e pela violência doméstica, o que poderia acarretar a ele, no futuro, muitos problemas de caráter.

      Agora, separada, você tem a oportunidade de voltar-se para Deus, ser restaurada em sua alma e em sua espiritualidade, para assim saber educar seu filho nos corretos caminhos de Deus.

      Perdoe, de coração, as ofensas e traições sofridas, mas não busque reconciliação, pois seria continuar no adultério. Apenas exija do pai da criança a pensão devida ao sustento material dele e que ele dê ao filho o amparo psicológico e emocional que cabe ao pai.

      Não se envolva com outro homem, mas busque a Deus para sustentá-la emocionalmente, até que sua alma esteja curada e livre.

      O Senhor te guarde do mal, é minha oração a seu favor, em nome de Jesus.

      Curtir

  3. Encontrei este blog e fiquei estremecido
    Eu era solteiro e me afastei da igreja. Nesse meio tempo conheci uma mulher separada e de outra religião espiritualista.
    Anteriormente ela tinha vivido com outro homem por quase 20 anos (mas não se casou) e do qual teve um filho.
    Para não viver este relacionamento em pecado eu que era solteiro me casei com ela.
    Nosso casamento foi um tormento, embora nunca houvesse traição de nenhuma das partes e nos amássemos muito, as dificuldades financeiras, as brigas quase que diárias por ciúmes sem razão, e por fim as agressões físicas e morais por parte dela, enfim tudo isso e muito mais me levou a separar-me dela. Agora estou a ponto de entrar com o divórcio.
    Será que estou errado ou já errei quando me casei com ela por que ela já tinha sido mulher de outro homem (mas não era casada)?

    Curtir

    1. Irmão, o mais importante agora, não é o casamento e nem o divórcio, mas voltar-se para Deus.

      Volte-se para o Senhor e busque nele a sabedoria sobre como proceder, sem precipitação. Não tome nenhuma atitude quanto a divórcio, quanto a relacionamento afetiva com quem quer que seja, mas apenas submeta-se à ação do Espírito Santo. Deixe-se ser transformado, até que venha com clareza, da parte do Senhor, a revelação sobre o que fazer.

      Curtir

  4. A Paz Pastor..
    Encontrei esse portal através de uma busca pela internet e tenho uma dúvida..

    Tenho um filho de 1 ano e 9 meses com um rapaz que morei junto. Não Casei nem no papel e nem na igreja (sei que vivia em pecado, mas planejavamos casar). Ele era divorciado quando começamos a relação. Se separaram por causa de brigas e traições da parte dele.

    Essa foi uma relação difícil, porém, tentei de diversas formas fazer com que desse certo. Busquei em Deus a melhora e nada aconteceu. Ele também me traia. Acabou me deixando por causa de uma amante.

    Hoje se casaram no civil, mesmo depois dessa traição, pois mesmo não sendo casada com ele foi traição. Frequentam uma igreja e são obreiros. Se casaram 6 meses depois que ele saiu de casa.

    Deus abençoa essa relação e tem visão de casados, ou seja, de família, mesmo depois de ter acabado com uma família?

    Já tem nove meses que terminamos e ainda não consegui esquecê-lo. To firme e forte com Deus, mas preciso de uma resposta se essa é uma relação correta.

    Não sei s me intende, mas ainda tenho um pouco de esperanças em relação a ele, logo que temos um filho.

    Se Puder me ajudar agradeço.

    Curtir

    1. Irmã, esse homem não é confiável e esperar por ele não é uma boa coisa a se fazer. Ele traiu a primeira esposa, depois ficou com você sem querer casar-se, então traiu você também e agora escolheu outra mulher para casar-se.

      Deixe-o viver a vida dele, conforme ele escolheu. Ele rejeitou você e achou outra que, segundo os olhos dele, era mais digna de casar-se. Se Deus vai abençoá-lo ou se vai puni-lo isso é entre ele e Deus.

      Além disso, se Deus fosse exigir que ele voltasse à família, ele teria que voltar à primeira esposa e não a você. Mesmo tendo filho com você, é a primeira esposa a legítima, aos olhos de Deus.

      Quanto ao seu filho, ele tem a obrigação de ampará-lo, tanto material, quanto emocionalmente. Se ele não estiver fazendo isso, você tem o direito legal de exigir que o faça, por meios judiciais.

      Viva sua vida cristã, buscando a Deus em primeiro lugar, cuidando da educação espiritual do seu filho e edificando seu lar com os princípios cristãos. Veja mais a esse respeito nas mensagens no site na categoria Casamento.

      O Senhor te abençoe com paz no coração e com discernimento de espírito, para não cair em falsas esperanças, é minha oração a seu favor, em nome de Jesus.

      Curtir

  5. Pastor por favor me tire uma dúvida..

    Já estive aqui outras vezes..acredito que vá lembrar de minha história.
    Bom.. como sabe o meu marido me deixou.. decidiu se divorciar..
    A pergunta é a seguinte.. quando casamos.. casamos somente no religioso.. quando era pra fecharmos no cartório e pegar a certidão ele (meu ex) resolveu esconder o documento (detalhe: só descobri isso depois) ele dizia não estar preparado ainda para casar no cartório. Fiquei muito decepcionada no momento e depois acabei aceitando por amor a ele.
    No meu caso… tenho consciencia de que eu ainda por viver triste, infeliz.. não pedi o divorcio porque sabia que tinha um Deus à nosso favor e que nosso quadro poderia sim ser transformado pelo Poder de Deus. Mas ele fez o que achava certo e até hoje sofro com tudo isso.

    Pastor.. perante Deus somos casados?

    Deus lhe abençoe! Fico no aguardo!

    Curtir

    1. Filha, é uma sucessão de erros em sua vida, trazendo-lhe tristeza e decepção. Mas esses erros podem ser benéficos a você, no futuro (ou não, dependendo de como trata com eles).

      Seu marido, já foi casado no passado, com outra. Por isso, diante de Deus, o casamento válido dele foi com a primeira mulher. O Senhor permitiu que ele se casasse com você apenas por misericórdia e não por direito. E mais: diante das leis dos homens você nem casada é, pois ele não registrou em cartório o casamento.

      Quando vocês se casaram, depois que ele teve alta no hospital, foi no altar? Foi um pastor quem ministrou a cerimônia? Seus pais estavam presentes, abençoando vocês? Se essas coisas não aconteceram, nem diante de Deus vocês foram casados. estavam apenas em pecado de fornicação e de adultério.

      Irmã, você tem uma bênção nas mãos, que é sua filha. Viva sua vida com ela e esqueça esse homem. Agradeça a Deus por ter livrado você dele, pois sua vida seria um inferno em terra, caso continuasse ligada a ele. Viva para o Senhor agora e para sua filha. Volte a congregar e deixe esse homem no mar do esquecimento.

      Procure um advogado que cuide das causas legais como por exemplo: a separação oficial de corpos, pensão alimentícia a você e à menina, etc e viva no temor de Deus daqui para diante.

      Que o Senhor a console e fortaleça, é minha oração a seu favor, em Nome de Jesus.

      Curtir

      1. sim Pastor.. o casamento aconteceu na igreja com a benção do Pastor, a presença de testemunhas, com a benção dos pais..
        Então, perante Deus eu nunca fui casada é isso?

        Eu sei que a bíblia não aconselha um segundo casamento, mas nós casamos depois que o divorcio dele saiu.

        Curtir

        1. Irmã, você foi casada sim, pois Deus é misericordioso, longânimo e bom. Agora é aguardar que as providências legais quanto á separação sejam resolvidas pelo seu advogado e o dele.

          E quanto à sua vida espiritual, é tempo de você aquietar-se na presença do Senhor. É tempo de deixar que Ele lhe fortaleça, lhe edifique, lhe traga paz. Não faça nada para prejudicar seu ex-marido, perdoe-o pelas ofensas e agressões morais e psicológicas, Não fale mal dele para sua filha, para preservar a formação moral dela.

          E principalmente, não se envolva com homem algum, nem mesmo um simples romance, namoro, etc. Você está debaixo da misericórdia do Senhor e é no temor do Senhor que deve pautar sua vida emocional.

          Curtir

  6. Tenho uma duvida eu não queria divorciar e meu marido pediu divorcio, porque estava com outra mulher, neste caso quem cometeu o pecado aos olhos de Deus foi só ele ou nós dois?

    Curtir

    1. Nesse caso foi ele. Você não deveria pedir o divórcio, mesmo ele estando com outra. E mesmo que você pedisse o divórcio, em caso de adultério, não estaria pecando. Mas se ele pediu, não há pecado em conceder-lhe, para que você tenha paz no coração. “se o descrente quiser apartar-se, que se aparte; em tais casos, não fica sujeito à servidão nem o irmão, nem a irmã; Deus vos tem chamado à paz” (1 Co 7:15)

      Curtir

  7. GOSTARIA DA RESPOSTA DESTA DECLARAÇÃO.
    ATT, Anderson

    Suely
    11 abril,2012 às 3:28 pm
    Acho que seja uma forma de suicidio mental, se cobrir de senso de culpa o porque de um ter se casado e, infelizmente ter dado errado, e o pior de tudo, chegar a um divorcio. Deus odeia o divorcio justo? se um cristao se divorcia, nao deve mais casar, senao é adultero!!!! Foram escolhas erradas? com certeza. Os motivos? infinitos!!! A familia tem culpa? com certeza. E a igreja? segundo as minhas experiencias pessoais, sim. Pois, encuca muito na cabeça dos jovens que se chegam a uma certa idade e nao casaram, ficam pra’ titia ou titio. Talvez namore uma jovem ou um jovem, que sirvam e amam a Deus, entao os irmaos dizem, ah viu? eles devem se casar!!!se casam, e depois veem que nao foi o amor, mas a vontade de servir a Deus. sao argomentos infintos, exemplos que nao acabariam nunca!!! Uma jovem pode se apaixonar por um jovem, acham ser amor, se casam, e assim vai, se separam. Nao é uma historia de tv, é a vida real!!! Eu pelo menos, penso que tudo esta’ relacionado aos sentimentos de um homem e uma mulher, cristao ou nao. Claro, Deus quem colocou o pensamento da eternidade e a capacidade de amar a todos os seres humanos.Nao vejo a amizade, o namoro, noivado e o casamento serem exclusivos de uma igreja, instituiçao, seja la’ qual for. Pois, tirando os olhos da igreja, vemos muitos exemplos positivos de casais que se amam até a velhice e nunca foram cristaos, nunca entraram em qualquer igreja seja catolica ou evangelica, ou tb cristao com nao cristao, mas se amam, se respeitam,sejam casais ateus, hippies, budistas, etc.. eles podem nao saber que tenha sido Deus a dar a capacidade de amar a cada coraçao. Mas o que deve unir é o amor, nao o amor que Corintios relata, mas o que Deus deu para cada um de nos. Assim, nao é um amor perfeito, nos nao somos perfeitos. Fazemos escolhas erradas, como Eva tb desobedeceu a Deus, e é o maior exemplo de casamento. Hoje nao acredito que Deus prepara a pessoa certa para nos, na propria Biblia tem poucos exemplos de Deus ter unido, vejo Adao e Eva, Isaque e Rebeca, que ilustra o encontro de Jesus com a esposa, pois Deus nos predestina a salvaçao, mas qto à vida aqui, nos deixa escolhas a tomar, certas ou erradas, claro, se erradas, Ele disciplina, corrige a quem ama. , desde o antigo testamento nos mostram pessoas escolhidas pelo proprio Deus, imperfeitas, mentirosas, enganadores,traiçoeiras, adulteras, foram corrigidas, disciplinadas,, mas amadas e escolhidas por Deus!!! Nao digo nada para desculpa de quem se divorcia, claro que precisa de um stop.Nao se casa e depois se der errado, separo. Mas, se um casal ve que nao da’ mais e se separam, nao aceito usarem as Escrituras para julgar as pessoas, tao usando demais a Biblia para dizerem o que Deus quer falar. No V.T, nao sera’ que os homens podiam repudiar as suas mulheres como bem queriam? até mesmo por uma comida que nao gostasse, abandonavam a mulher, e para nao ser vista como adultera, Moisés deu a permissao da carta do divorcio? seriam todas essas mulheres abandonadas pelos homens? qual o fim de cada uma? prostituiçao? jogadas de um lado a outro sendo apedrejadas? os homens podiam ter outras mulheres, e trocavam como se trocam de camisa. Coitadas das repudiadas!!! Com a queda, Deus ja’ saberia de toda essa confusao, nao daria tb soluçao a isso? No novo testamento Jesus nao estaria falando com os fariseus que tb faziam as mesmas praticas, ou seja, repudiavam como e qdo quisessem as mulheres.?Precisava de algo para acabar com isso. E o que o apostolo Paulo escreveu teria sido tb o que todos interpretam? acho que ta’ na hora de acabar de destruir as pessoas divorciadas, Isso a igreja catollica tb faz!!! Entao, Deus mandou seu unico filho pra’ que? para que todos que infelizmente depois de tantas tentativas, nao da’ se separa, se divorcia, ficar num completo abandono? sentimentos de culpas? destruiçao do proprio ego? serem vistas dos irmaos em Cristo como adulteros? mas os adulteros nao entrarao no reino dos céus!!! Sera’ mais facil levar as pessoas nesses pensamentos? todos que acusam e dao a sentença? assim diz o Senhor, a Palavra de Deus diz, se voce se divorcia, nao se case mais? quem, graças a Deus, nao passou e espero que nunca passe por isso, poderia tentar se por no lugar e tentar imaginar a vida? claro que os filhos sofrem, sao culpa dos adultos em volta e da propria sociedade e da igreja que colocaram o divorcio como o pior crime da vida do ser humano. Entao, melhor matar? assim tem o perdao de Deus , e podendo se casar novamente? Salvaçao é individual, Deus fala conosco individualmente, tem casos e casos. Deus salva, perdoa, limpa o coraçao , a mente e a alma, esquece os pecados e joga no fundo do mar!! Menos o divorcio? Tem algo errado aii!!! A sociedade esta’ destruida por causa dos divorcios? ou por causa de tudo de ruim que acontece? A propria igreja esta’ destruida e dando exemplos que nem um divorcio chega a ser tao horrivel!!! Deus julga e condena, nao o homem. Diziam que os filhos dos divorciados, eram os drogados, assassinos, etc, mas se ve claramente que nao é assim. O mundo precisa de Deus, e de homens e mulheres que preguem a Deus! O Deus que liberta, salva, cura, limpa a mente e o coraçao mas tb disciplina!!! Nao precisamos da condenaçao do homem usando a Biblia para dizer se uma pessoa deve ou nao se casar novamente, por favor basta né? chegou a hora que nao da’ mais pra aceitar isso. Historinhas reais!!! Casei, me divorciei , me recasei e se alguém vem com conversa de adultera ou que precisavo ficar no celibato, melhor pensar duas vezes, pois nao foi isso que Deus falou comigo !! Vao dizer que digo isso para me desculpar? quem pode condenar e julgar? eu terei que comparecer diante do tribunal de Deus, eu que terei que ouvir o vinde a mim, nao quem queria dizer o que fazer ou nao, sera’ que podem mesmo dizer isso? nao dizem que a igreja esta’ cheia de pessoas imperfeitas? mas o divorciado pode dar ofertas e dizimos justo? casar novamente nao!!! Mas que Deus injusto é esse? E o meu filho, graças a Deus é uma bençao! em todos os sentidos e sabe o que uma criança de apenas 7 anos me dizia? mae, porque as pessoas querem que eu sofra ou chore? pois viviam dizendo o qto ele sofria pela separaçao, que era um menino infeliz, mas ele chorava sim, pois nao aguentava mais ouvir isso das pessoas que mentiam em dizer que ele era infeliz, sao as pessoas com as mentalidades manipuladas da sociedade e da igreja tb que fazem o quadro piorar!!!
    Sinto o amor de Deus, o perdao, sinto a mao tb da disciplina, da correçao, pois Deus corrige a quem ama, viu? Deus ama os divorciados, aos Seus filhos!!! Se um me pergunta sobre o divorcio, sou a primeira a dizer de procurar todos os meios, oraçoes, dialogos, mas nao sou hipocrita ao dizer, deve ficar, pois vc escolheu, agora nao pode largar. Ore, busque em Deus soluçao e paz para tomar a decisao certa. Desculpe, sei que escrevi muito, mas cansei de ver as pessoas divorciadas serem atacadas de todos os lados, sabendo que Deus busca, perdoa, limpa, purifica, e depois vem os lideres com a igreja e joga a condenaçao nelas usando as Escrituras, pois so’ quem tem muito estudo, conhecimento, sabe o que o Espirito Santo fala através das palavras de Moisés, Paulo e de Jesus, nos, povo sem estudos teologicos nao!!! Com todo respeito a quem tem, quero respeito e respeito, mas nao aceito o que dizem! Muito obrigada pela paciencia

    Curtir

    1. Irmão Anderson, eu não respondi na época porque concordei com o que a comentarista Suely disse. Se não com tudo, mas com quase tudo o que ela escreveu. Por favor, leia mensagens minhas (e comentários adicionais) publicadas no site na categoria CASAMENTO, principalmente as que falam de divórcio, segundo casamento, etc.

      O Senhor lhe abençoe.

      Curtir

  8. Estou separado da minha esposa desde Dezembro de 2012, fui infiel com ela no meu casamento, lhe pedi perdão e cheguei a conversar com meu pastor assumi o meu erro e reconheço tal… mas, ela esta disposta a não voltar mais para viver ao meu lado, enquanto isso eu estou em uma peleja com Deus para que possa haver uma restauração na minha família pois temos uma filha de 1 ano, estou pagando o preço pelo meu erro, mas, oque gostaria de saber é se estou fazendo certo em estar orando por uma restauração quando pode haver do outro lado uma oração contraria da parte dela! oque Deus pode fazer?

    Curtir

    1. Irmão, você está corretíssimo em orar pela restauração. Mesmo se sua esposa estiver orando em contrário, dificilmente será atendida, pois Deus deseja a restauração das famílias, dos lares.

      Sua esposa pode até não aceitá-lo mais, mesmo você orando fervorosamente, pois ela tem liberdade de escolher que tipo de vida quer levar. Essa liberdade Deus não vai tirar dela, embora vai falar insistentemente a ela que deve perdoar você, que deve aceitar você de volta. O Senhor vai falar ao coração dela, mas não vai forçá-la a fazer o que ela não quiser.

      Mas, irmão, mais do que orar, você deve tomar atitudes práticas também, principalmente nas suas obrigações de marido e pai, como por exemplo, prover o sustento material da esposa e filho. Prover também o apoio psicológico e afetivo ao filho.

      E, principalmente, deixar bem claro à esposa que mudou de vida. Que não mais se interessa por qualquer outra mulher, mas apenas por ela. Não se relacione com mulher alguma, mas espere pela esposa, o tempo que for necessário. Se ela não aceita conversar com você, escreva-lhe uma carta pedindo perdão e reconciliação.

      Quando sua esposa reconciliar-se contigo, dê glória a Deus!

      Spurgeon, em sua obra chamada “Pondo pés nas nossas orações”, ensinou como ter sucesso em glorificar o nome de Deus:
      1) orar fervorosamente, como se tudo dependesse de Deus;
      2) trabalhar fervorosamente, como se tudo dependesse de nós;
      3) entregar toda glória pelos resultados a Deus.

      O Deus da esperança lhe encha de gozo e paz, segundo a sua fé no poder que o Espírito santo tem de operar em todos os corações, é minha oração a seu favor.

      Curtir

    2. Irmão Wagner, tente reconquista-la novamente, mande flores, escreva cartas, faça elogios, faça ela se apaixonar por você novamente e esquecer os seus erros, e acima de tudo, faça como o pastor lhe recomendou, mostre a ela que você mudou, e não tem olhos mais pra nenhuma outra mulher, só pra ela, ore pela restauração do seu casamento sempre, e não faça isso apenas pelo seu filho, mas pela sua esposa também. Deus abençoe!

      Curtir

  9. Boa tarde, tenho 21 anos e sou divorciada, juntei com meu ex aos 16 anos e por tanto me dizerem que estava em pecado, acabei me casando certinho na igreja e cartório. O casamento era horrível, e fiz tudo o que esteve ao meu alcance para restituir (até mesmo o casamento). A pergunta é a seguinte, mesmo tendo planos e sonhos de constituir família não posso me casar novamente? Tenho que viver sozinha e infeliz para o resto da vida? Ao que sei temos a liberdade de nos arrependermos de tudo que façamos, e não acredito em um Deus que quer ver seu filho infeliz, não amo meu ex marido mais, e não quero me reconciliar, ele só me fazia mal e não quero viver aquela vida novamente. Porem tenho o sonho ainda de ter uma família e ser mãe. Então não há outro jeito?

    Curtir

    1. Jéssica, por favor leia novamente a mensagem acima, meditando e voc~e obterá sua resposta. Leia também a mensagem no site intitulada “A Graça de Deus é Suficiente”. Leia também outras mensagens (e comentários adicionais) sobre casamento, divórcio e segundo casamento.

      Curtir

    2. Queria ler a resposta da sua pergunta tbm, pois acho o mesmo, Deus não que ver NINGUÉM infeliz, até mesmo aquele q tira a vida de uma pessoa, e pq uma pessoa como vc não pode tbm ser feliz?

      Curtir

  10. NO CASO DE UM RAPAZ DESCRENTE QUE SE CASA, E DEPOIS SE DIVORCIA.ENTÃO CONHECE A CRISTO, MAS NÃO PODE RECONCILIAR-SE COM SUA EX .TENDO EM VISTA QUE A MESMA CONSTIUIU UMA NOVA FAMÍLIA COM OUTRA PESSOA. O QUE ESSE JOVEM FAZ FICA SOZINHO A VIDA INTEIRA????

    Curtir

    1. Por favor, leia a a mensagem no site intitulada “A Graça de Deus é Suficiente”. Leia também outras mensagens (e comentários adicionais) sobre casamento, divórcio e segundo casamento.

      Curtir

  11. Olá!
    Namorei 12 anos e há 4 anos moro com essa pessoa.
    Porém nada dá certo entre nós,nada mesmo!Sinto que não o amo mais,apenas sinto gratidão e costume.

    Se eu me separar dele,estarei eu em pecado do divórcio,uma vez que ele foi meu 1º homem,e estamos juntos há 16 anos?

    Não nos casamos na igreja nem no papel.
    *E apesar de ter sido criada em lar evangélico,apresentada na Assembléia de Deus qnd nasci,não tinha conhecimento que divórcio é pecado.

    Obrigada desde já!

    Curtir

    1. Irmã graça e paz!

      Infelizmente vc já está vivendo em pecado, pois na verdade não está casada, Nem diante de Deus e dos homens, está vivendo abrasada e é pecado. Se vc o ama e tem certeza que é ele que Deus preparou pra vc, casasse com ele. Se vc se separa não está se divorciando, peça perdão pra Deus e busque ser feliz com uma pessoa preparada por Deus. Não caia no mesmo erro.

      Curtir

      1. Pr Leandro,a santíssima Paz do Senhor!

        Muito obrigada por responder.
        Sim,eu sei que estou em pecado sendo amasiada,mas Deus já está no comando,mostrando me a direção,se é para nos casarmos ou ou não,ou se é outra pessoa que Ele têm pra mim.

        Peço oração por mim.
        Deus lhe abençoe!!!!!!!!!!!!

        Curtir

Escreva seu Comentário ou pergunta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s