Ministro de Deus em Pecado


 

 Pergunta:

     Pastor, é certo continuar trabalhando no ministério, se cometermos um pecado? E se for o caso de um pecado onde ainda não houve libertação? Roger

  

Resposta:  

     Filho, ninguém está isento de pecar, seja eventualmente, seja porque vacilou e ficou enredado em vícios ou laços malignos. 

     Se Deus fosse procurar entre seus ministros alguém sem pecado, não encontraria um só. E por que isso? Porque, embora estejamos salvos, ainda permanecemos no corpo de pecado. A carne é terrena e quer pecar e, enquanto aprouver a Deus que permaneçamos nela, estaremos sujeitos à ação da carne em favor do pecado. Ela se movimenta continuamente em direção ao pecado. O seu pendor é sempre e unicamente em direção ao pecado. 

     O espírito, ao contrário, pende para as coisas celestiais. Jesus nos alerta a esse respeito, com muita ênfase, para que oremos e vigiemos, pois embora o espírito esteja pronto, a carne é fraca. O próprio apóstolo Paulo confessava que vivia em estado miserável, prisioneiro da carne, embora não quisesse pecar de forma alguma. E lutava por isso.  

     “Porque bem sabemos que a lei é espiritual; eu, todavia, sou carnal, vendido à escravidão do pecado. Porque nem mesmo compreendo o meu próprio modo de agir, pois não faço o que prefiro, e sim o que detesto. Ora, se faço o que não quero, consinto com a lei, que é boa. Neste caso, quem faz isto já não sou eu, mas o pecado que habita em mim. Porque eu sei que em mim, isto é, na minha carne, não habita bem nenhum, pois o querer o bem está em mim; não, porém, o efetuá-lo. Porque não faço o bem que prefiro, mas o mal que não quero, esse faço. Mas, se eu faço o que não quero, já não sou eu quem o faz, e sim o pecado que habita em mim. Então, ao querer fazer o bem, encontro a lei de que o mal reside em mim. Porque, no tocante ao homem interior, tenho prazer na lei de Deus; mas vejo, nos meus membros, outra lei que, guerreando contra a lei da minha mente, me faz prisioneiro da lei do pecado que está nos meus membros. Desventurado homem que sou! Quem me livrará do corpo desta morte?” (Rm 7:14-24). 

     Mas Paulo, termina glorificando a Deus por Jesus Cristo, porque nele, somos vencedores do pecado e da morte. É Cristo quem nos liberta do corpo de pecado.  

     Por isso, amado, continue no seu ministério, pois você não está trabalhando pra si mesmo, mas para Deus. É dele que você tem que dar testemunho e nunca de suas mazelas e fraquezas. É a Jesus que você tem que glorificar e exaltar, enquanto, simultaneamente, reconhece no seu íntimo que depende dele para tudo, inclusive para mudar seu próprio caráter. 

     E nunca se conforme com o pecado em sua vida. Nunca se conforme com o vício. Clame ao Senhor, confie nele e Ele te libertará desses laços de morte, dessas algemas do inferno. 

     “Invoco o SENHOR, digno de ser louvado, e serei salvo dos meus inimigos. Laços de morte me cercaram, torrentes de impiedade me impuseram terror. Cadeias infernais me cingiram, e tramas de morte me surpreenderam. Na minha angústia, invoquei o SENHOR, gritei por socorro ao meu Deus. Ele do seu templo ouviu a minha voz, e o meu clamor lhe penetrou os ouvidos. Então, a terra se abalou e tremeu, vacilaram também os fundamentos dos montes e se estremeceram, porque ele se indignou” (Sl 18:3-7).  

     Que o Senhor lhe abençoe e guarde de todo mal. Que a paz do Senhor esteja em seu coração, hoje e sempre.

José Adelson de Noronha

7 comentários em “Ministro de Deus em Pecado”

  1. a paz do senhor, pastor fui consagrado cooperador da igreja onde congrego, mas por obediencia a DEUS e a PALAVRA, confessei ao pastor que sou fumante, entao ele me afastou do cargo, e voltei para o meu lugar entre os irmaos, no entanto me sinto o pior dos filhos de DEUS, por causa do cigarro, por favor me ajude, me responda e ore por mim

    Curtir

    1. Amado, esse pode ser o incentivo que lhe faltava para largar o cigarro. Fumo faz mal à saúde e o vício lhe afasta de muitas bênçãos que Deus tem para você. Não se conforme com o vício, lute em oração contra ele e o Senhor lhe dará vitória e libertação.

      Que a graça e a paz do Senhor esteja em seu coração.

      Curtir

  2. Bom dia pastor,vivo uma imensa luta dentro de min e quando lii a pregação ministrada pelo senhor me deu um certo refrigério.
    Sou jovem solteiro, ativo na igreja como ministro de louvor liderança de jovens e muito outros ñ só envolvendo a minha própria igreja mas outra com sociedades de jovens. Aos 13 anos conheci a maldita pratica da masturbação me converti aos 17 anos mas isso sempre me perseguiu tendo época que eu caía em pecado outas resistia bem,mas isso foi aumentando e depois de 7 anos a pornografia tb têm entrado na minha vida através da internet, ñ se trata de um simples pecado de fácil libertação ao meu ver mais sim um vício que tem estado presente com muito mais frequencia do que antes…isso atrapalha minha vida no altar e ñ me deixa procurar relacionamentos saudáveis com meninas na presença de Deus,ñ quero estar com ela e pensar em desvária sexuais com a mesma…como aconteceu no meu 1 º relacionamento.
    Confessei vária vezes e me senti perdoado vária vezes tb e de fato fui,inclusive já contaqutei meu líder dos problemas que luto,e ele me deu a maior força, orou por min e ñ me deixou sair do ministério pelo sentimento de culpa a qual tive ..
    Por favor pastor me ajude, o que devo fazer?caí em pecado novamente,o pecado que me diz sempre para eu ir transar com várias mulhere e satisfazer meus impulso carnais ñ que eu tenha ido mas somente pela internet; e tenho medo de ir para a prática….. a pesar de esse problema que passo nunca me envolvi sexualmente com uma mulher pois depois da minha converção recebi valores sobre o casamento e sexo os quais tenho guardado em min…..mas o fato de eu ser jovem, e ver como os jovens do mundo tem total liberdade me faz retroceder a mente pecaminosa….
    obrigado pastor,a paz do senhor .

    Curtir

    1. Deividson, persevere em buscar a Deus e nunca se conforme com o pecado em você, mesmo tendo vacilado e caído.

      Há um versículo que trago sempre na mente:
      “Ao meu coração me ocorre: Buscai a minha presença; buscarei, pois, SENHOR, a tua presença” (Sl 27:8).

      Andar na presença de Deus nos preserva do pecado e das tentações.

      O Senhor lhe abençoe com livramento e com paz no coração.

      Curtir

  3. Júlia, o arrependimento sincero diante de Deus é suficiente para você receber o perdão e ter paz no coração. Não deixe Satanás lhe acusar de nada, porque você já foi perdoada.

    A paz só virá quando você compreender que já foi perdoada por Deus. E não foi perdoada quando pediu perdão não, mas sim quando Jesus deu a Sua vida lá na cruz do Calvário, há quase 2000 anos e levou o Seu sangue puro e sem mácula no Santuário de Deus.

    Essa culpa que você sente ainda é falta de compreensão do caráter de Deus. Deus é justo e, por causa da Sua justiça, Ele lhe concedeu o perdão, já que Jesus pagou pelos seus pecados. Jesus morreu na cruz pelos seus pecados, foi sepultado, mas ressuscitou ao terceiro dia. Ele levou o Seu sangue até o Pai, que o recebeu e lhe concedeu, em troca, o perdão dos pecados de todos os homens. Agora você pode ter paz no coração, mesmo tendo pecado.

    Para compreender melhor a justiça do perdão, Veja mensagem neste site intitulada “Porque Deus se Fez Homem?” https://verboeterno.wordpress.com/2007/05/14/porque-deus-se-fez-homem/

    É ruim pecar? Muito ruim! Todo pecado, mesmo perdoado, traz consequências. Uma delas é a culpa, como você está sentindo agora. Outra consequência é a perda da santidade e o esfriamento no relacionamento com o Senhor. O pecado traz tristeza ao Espírito Santo, traz perda de autoridade espiritual e nos leva a afastarmo-nos da luz. Por isso a palavra de Deus nos leva à confissão de pecados e a aproximarmo-nos da luz para sermos purificados e, com isso, retornarmos ao pleno relacionamento com o Pai: “Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça” (1 Jo 1:9).

    Filha, fuja das tentações e receba o perdão de seus pecados, em Nome de Jesus. Tenha paz no coração e volte ao seu ministério. Louve e glorifique ao Senhor com o seu chamado, com os dons e talentos que Ele lhe concedeu.

    “Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai de misericórdias e Deus de toda consolação! É ele que nos conforta em toda a nossa tribulação, para podermos consolar os que estiverem em qualquer angústia, com a consolação com que nós mesmos somos contemplados por Deus. Porque, assim como os sofrimentos de Cristo se manifestam em grande medida a nosso favor, assim também a nossa consolação transborda por meio de Cristo” (2 Co 1:3-5).

    Curtir

  4. Pastor, tenho uma dúvida quanto esse assunto…

    Por diversas vezes caí em pecado, na área sexual, referente a masturbação e pornografia… já pedi perdão a Deus, quero muito ter uma vida em santidade e tenho buscado por isso. Mas, mesmo pedindo perdão a Deus me sinto pesada, culpada… NUNCA contei a ninguém sobre isso, pois sinto muita vergonha pelas coisas que fiz, somente me abri a Deus, em oração… sinto que se eu me abrir com alguém serei condenada e não tratada, tenho medo… devo me abrir com alguém ou somente o fato de ter me arrependido diante de Deus já é suficiente?

    Obrigada!

    Curtir

Escreva seu Comentário ou pergunta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s