Ganância


Myriam Rebuzzi

 

O que aumenta os seus bens com juros e ganância, ajunta-os para o que se compadece do pobre (Provérbios 28:8).

 

Quando o país foi atingido pela crise que abalou a sua economia, causando a desvalorização do real, logo surgiram os especuladores e gananciosos que procuraram, de imediato, tirar proveito da situação, aumentando os preços de seus produtos, mesmo quando nada tinham a haver com o movimento de seus negócios em dólares.

 

São os eternos aproveitadores e impatriotas, que, como abutres, vivem da podridão. Talvez eles se julguem muito espertos por saberem, como ninguém, tirar vantagem em tudo.

 

A ganância é pecado e Deus condena todo aquele que fez uso desse expediente e diz que “este espírito de ganância tira a vida de quem o possui” (Provérbios 1:19). O Senhor está observando tudo e um dia o ganancioso terá que prestar conta de seus atos perante Deus. “Por não haver limites à sua cobiça, não chegará a salvar as cousas por ele desejadas” (Jó 20:20). Engoliu riquezas, mas vomitá-las-á” (Jó 20:15).

 

Os gananciosos só receberão a ira de Deus.

Escreva seu Comentário ou pergunta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s