Um Marido Segundo Deus


Pergunta:  

Minha questão é entre namorar ou não um moço cristão com quem já tenho amizade há 1 ano. Já li posts anteriores onde o sr. disse que Deus não escolhe para nós, não há predestinação ou alma gêmea. Entretanto quero compartilhar a situação visto que o sr. tem mais experiência no assunto e caso eu não esteja percebendo ou querendo ver aspectos importantes. 

Esse meu amigo e eu temos orado a Deus, pois nos gostamos e pretendemos namorar, entretanto nos últimos dias tem surgido muitos conflitos, ele me cobra muito na questão de planejamento profissional. 

Eu não sou uma empreendedora nata, mas tenho minha renda e possuo planos a curto e médio prazo, entretanto parece que ele não consegue compreender minha personalidade diferente da dele, ele julga que fujo de assuntos que envolvem a realidade, que não busco as coisas nessa área profissional, que não encaro de frente e assim ele acaba me cobrando e colocando uma pressão enorme sobre mim, numa área que tenho dificuldade, é como se fosse abrir a ferida e não ajudar. 

Outra coisa que me incomoda é o fato de ele não tomar algumas decisões a respeito do nosso relacionamento, digo no sentido de ele ainda não ter tomado partido pra decidir “vamos namorar agora” e também em relação aos assuntos  espirituais tais como: “vamos orar juntos”, “vamos estudar a palavra juntos”. 

Sei que ninguém é perfeito e ele tem muitas coisas boas, é um moço de bem, tem caráter, é cristão, trata bem a família, entretanto estou com receio de namorar alguém e nós vivermos em “pé de guerra” um não aceitando o outro e querendo mudar o outro. O sr. acha que a dúvida já é algo que determina o fim?  

Obrigada pela ajuda.

 

Resposta:  

Filha, perdoe-me pela demora na resposta. Vou responder-lhe crendo que você, como boa cristã, não deseja simplesmente namorar, mas sim que visa, futuramente, um casamento. 

 

Realmente Deus não tem preferências ou imposições quanto a quem namorar ou casar. Isso compete a cada um, segundo a liberdade de escolha que Ele nos dá. Portanto, fruto das nossas escolhas e decisões, são as consequências, boas e ruins que iremos colher. O que Deus quer, isso sim, é que nos nossos relacionamentos vivamos dentro dos princípios que Ele estabeleceu, principalmente, o princípio do amor ágape, isto é, amar ao próximo como amamos a nós mesmos. E, havendo esse amor, haverá também santidade. 

 

Onde há amor ágape, há fluência. As coisas andam facilmente. Sem confusão. 

 

No caso de vocês está havendo confusão de papéis. Deus estabeleceu o homem como cabeça do casal e a mulher como auxiliadora. Mas seu amigo não quer assumir o que é obrigação dele, isto é, a liderança. Ele quer dividir por igual as funções e isto é anti bíblico. Ele quer que você seja profissional quando Deus quer que você seja mãe. 

 

Entenda bem: não estou afirmando ou sequer sugerindo que a mulher é inferior ao homem. Não é. Homem é mulher são iguais perante Deus. Mas homem e mulher não são a mesma coisa. Tanto o homem quanto a mulher possuem dons e talentos apropriados às funções que Deus estabeleceu para eles. 

 

Por isso, quando a mulher assume dupla função, profissional e doméstico, ela se desgasta demais. Esse fardo duplo se torna pesado demais para as mulheres. Não é sem razão que tantas mulheres não estão suportando e tomando a iniciativa de rompimento do vínculo familiar, isto é, divorciando-se ao constatar a incapacidade dos maridos de prover paz e segurança no lar. 

 

A mulher bem sucedida profissionalmente não necessita de homem algum, principalmente depois que teve um ou dois filhos. Seu amigo, ao exigir-lhe um planejamento profissional, está, na verdade, plantando um futuro divórcio. Ou, na melhor das hipóteses, entregando a criação dos futuros filhos de vocês aos cuidados de babás (pessoas, escolas e TVs. Principalmente TVs). 

 

Mas Deus deseja outra coisa para você. O pedido de casamento mais lindo que já vi é aquele onde o noivo se propõe a dar direção à noiva, aliviando-a dos fardos para os quais ela nunca foi preparada: “Vinde a mim, todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para a vossa alma. Porque o meu jugo é suave, e o meu fardo é leve” (Mt 11:28-30). 

 

Jesus, manso e humilde de coração, convida a todos nós, Sua Igreja, ao descanso. Ele não cobra nada de nós, mas, ao contrário, se propõe a tomar as decisões quando à nossa vida, quando aceitamos ser seus cônjuges – cônjuge: duas pessoas que andam debaixo do mesmo jugo. E a Bíblia ensina (seu amigo, que é cristão, deve saber disso) que o marido deve amar a esposa como Cristo amou a Igreja, dando a vida por ela, se necessário. 

 

Por isso, filha, vejo que você está mais bem preparada espiritualmente para ser uma boa esposa do que seu amigo, pois você quer ser tão somente o que Deus determinou para a mulher: ser auxiliadora, deixando a cargo do marido o papel de liderança (tanto espiritual, quanto material). Mas ele não. Ele quer dividir com você e isso fere os princípios de Deus. 

 

A má notícia que tenho para lhe dar é que, hoje em dia, praticamente todos os homens mais jovens, são exatamente como seu amigo. É isso que eles se tornaram: homens que não assumem seus papéis. Você vai ter muita dificuldade em encontrar outro jovem, com as virtudes desse seu amigo, como você mesma cita acima, que faça também o que Deus determina no casamento. Se encontrar, será uma raridade. Eu próprio estou muito longe deste padrão que Deus estabeleceu para o homem.

 

Portanto, meu conselho é que você seja franca com ele e exponha seus pontos de vista e abra seu coração a ele. Se ele concordar, então, melhor ficar com ele, do que ficar esperando o homem ideal (uma utopia), que pode não vir nunca. Que o Senhor Jesus lhe abençoe e lhe conceda sabedoria e discernimento espiritual, para tomar as decisões que mais lhe sejam favoráveis. 

 

José Adelson de Noronha

6 opiniões sobre “Um Marido Segundo Deus”

  1. Boa noite pastor! Sem querer achei esse site e não consigo mais sair dele, são tantos testemunhos d vida q se encaixam um pouco com o meu. Tantasdúvidas esclarecidas através de dúvidas d outras pessoas a qual o senhor responde com tanto amor, carinho e acima d tudo com a palavra de Deus à frente! Mt lindo o seu trabalho e como deve ser bom ser usado por Deus dessa forma! Será q poderia me esclarecer algumas dúvidas? Eu tenho 26 anos fui criada no evangélho, mas só ía a igreja, nunca senti Deus d verdade, nunca senti o Espírito Santo em minha vida( na minha cabeça, pois hj reconheço os livramentos q ele me deu) me batizei aos 14 anos por pura empolgação…aos 15 entrei numa fase d rebeldia e aos 18 já estava d corpo e alma no mundo…pq ele já havia me atraindo há tempos. Tive relações com vários homens, fiz mal a uma pessoa q não merecia ficando com o marido dela, fumava, bebia, só nunca usei drogas mais pesadas. Dei mt desgosto aos meus pais, tirei a paz e a tranquilidade do coração de minha mãe, e a medida q eu acabava comigo, acabava com ela tmb. Foram tantas coisas…por fim me envolví com um homem d família espírita, comecei frequentando terreiros, ele me batia as vezes e viviamos numa relação d guerra. Com dois anos juntos eu engravidei, cheguei a me envenenar sem saber q estava gŕavida, mas o veneno não fez afeito algum…qund descobri q estava gravida ele me deixou e minha mãe me acolheu (fui criada pelo meu padrasto, q chamo d pai) por mts vezes o pai do meu filho quiz voltar, mas eu tomei repulsa por ele, só tivemos relação uma única vez dpois q descobri minha gravidez, mas eu não suportava ficar perto dele…tive uma gravides mt tranquila, sem vícios, sem musicas seculares sem baderna, minha unica perturbação era qnd o pai do meu filho se aproximava…dpois q meu filho nasceu nunca mais saiu da casa dos meus pais e eu caí no mundo d novo, tem coisas q fiz q me envergonho d falar…e o mundo me deixou marcas pelo corpo, minha mente q se tornou suja e no meu coração…hj pela graça e misericórdia d Deus eu estou sendo curada…voltei a casa d Deus, já vi alguns moveres d Deus em meu favor, e estou sempre buscando mais dEle se eu sinto desejos carnais eu oro pedindo q ele repreenda, se eu sinto raiva de alguem faço o mesmo, qnd eu acho q minha fé está sendo pouca dobro meus joelhos e peço q ele transforme meu coração, estou sempre meditando e me alimentando d sua palavra e buscando constantemente ser transformada…hj em dia eu não tenho ninguem pois sei q difícilmente um homem irá querer respeitar os limites d uma vida cristã com uma mulher q já tem filho…voltei a morar com meus pais, nos damos super bem e a paz Reina em nossa casa, meu filho tem tres anos e não convive com o pai pois ele não o procura nunca…a minha dúvida pastor é…meu filho pode sofrer as consequencias do meu pecado? Ele irá sofrer por causa dos meus erros? Será amaldiçoado? E eu…posso me casar algum dia com a benção d Deus? Ou terei q ficar só? E a mulher q eu disse ter magoado…devo pedir perdão a ela, mesmo ela já tendo revidado? Obrigada desde já, Deus continue abençoando o Senhor! Obs esquecí de dizer q tenho um coração q julga…os mesmos erros q eu cometia no passado me ofende ver nas pessoas, principalmente naquelas q vivem falando d Deus, mas na verdade são vazias dEle, e eu ainda não sei orar pelos outros, se eu fizer não vai ser d coração ainda.

    Curtir

  2. estou com meu casamento destruido minha esposa me deixou hoje pela segunda vez um casasmento de 08 anos faz 07 meses que voltou agora ja foi embora no dia 10/10/10 as 8:30 o que devo fazer

    Curtir

    1. Amado, ore por ela pois, em Deus, há esperança para vocês. Não desista dela nem do seu casamento, mas seja um sacerdote em seu lar. Ore muito pela sua esposa, pois é o que ela mais precisa no momento.

      Procure alguem de confiança em sua igreja, alguem que tenha sabedoria e que possa aconselhá-la. Conte tudo o que está acontecendo, inclusive as suas falhas e as razões por ela ter tomado essa atitude. Peça perdão a Deus pelas suas falhas e peça a a essa pessoa que lhe ajude e lhe aconselhe.

      Que o Senhor, o Deus da esperança, lhe conceda paz no coração, pois o Espírito Santo tem poder para fazer tudo o que o seu coração crer.

      Curtir

  3. Muito obrigada pela resposta Pr., foi de grande valia para mim.

    Quero aproveitar e parabenizar pelo site, a idéia dos aconselhamentos/tira dúvidas é muito boa, tenho certeza que irá abençoar a vida de diversos jovens.

    Deus abençoe.

    Curtir

Escreva seu Comentário ou pergunta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s