Fugazes Emoções


PERGUNTA 

Pastor, me ajude. Estou desesperado. Amo muito a Deus, mas toda vez que caio em pecado eu não sinto o mesmo arrependimento que sentia antes. Sabe, quando você peca e vem aquele sentimento de arrependimento, então eu não sinto mais com a mesma intensidade de antes. Mas alguma coisa me diz que eu errei e eu peço perdão. Queria sua ajuda, o que eu faço? Será que estou morrendo espiritualmente? Paulo

 

RESPOSTA 

Irmão, nossa vida cristã não pode ser baseada em sentimentos, mas na realidade eterna da Palavra de Deus. 

Sentimentos são instáveis, são fugazes, são neblina que vêm e que passam, mas a Palavra não. A Palavra é imutável e jamais passará. E é a Palavra de Deus que diz que “se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça”. 

Quanto à prática do pecado isso é péssimo, pois realmente nos afastamos da Graça de Deus, por nossas próprias atitudes. A Graça jamais é retirada de nós, mas nós mesmos, deliberadamente, vamos nos afastando dela e, com isso, perdemos a maioria das bênçãos de Deus para nós. Esfriamos espiritualmente, perdemos a unção, perdemos a autoridade, perdemos a alegria e passamos até a ter medo de nos aproximarmos de Deus. 

Ruim, muito ruim. Melhor se arrepender e clamar por sua libertação. Eu oro para que o Senhor tenha misericórdia de você, assim como de todos os que se encontram nessa situação, restaurando a fé, o amor e a alegria da salvação, em nome de Jesus.

José Adelson de Noronha

Uma opinião sobre “Fugazes Emoções”

  1. O pastor está certo. A nossa vida não pode ser baseada em sentimentos, mas na fé. O diabo quando nos vê sem confiança em Deus, ele aproveita para nos por mais dúvidas, esfriando-nos na fé. O problema é que quando isso acontece a consequência pode ser: abandonar a igreja por que acha que não tem jeito; ser um crente morno o qual Deus abomina (Ap. 3:16); perder o primeiro amor (Ap. 2:4), ou seja, não permita que a sua queda lhe abale desta forma. Creia no perdão e no amor de Deus. A bíblia diz que nada pode nos separar do amor dEle, nem tribulação, nem angústia e nem nada. Quanto ao pecado Deus odeia, mas não o pecador. Deus conhece o seu coração e sabe que você não quer pecar. Persevere irmão. Busque a Deus com mais intensidade até receberes a libertação completa. Existe um livro do Jon Bevere entitulado Extraordinário. Esse autor conta que ele após aceitar Jesus largou de ir a festas, largou as bebidas alcoólicas, mas permaneceu preso a pornografia, até que um amigo cedeu a ele um local, uma casa longe de tudo e lá ele buscou a Deus com jejum e oração por três dias e, então, foi completamente liberto desse vício. Sempre serás tentado, mas você será um vencedor a partir do momento que o Senhor lhe tocar, afinal não podemos ser santos pela nossa própria força, mas pela graça de Deus em nossa vida. A graça irmão só é ativada mediante a nossa fé. Tenha fé!

    Curtir

Escreva seu Comentário ou pergunta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s