Meu Marido Sabe


PERGUNTA 

Pastor estou com meu esposo há 11 anos, tenho três anos de casada, nosso relacionamento era um relacionamento muito conturbado. Passamos por momentos difíceis juntos, acho que porque não tinhamos a presença de Deus nesse relacionamento. Foram ai que surgiram as traições. Antes de nos casar ele me deixou pra ficar com outra pessoa, essa pessoa me humilhou muito e principalmente a família dela, cheguei em um estado de depressão terrível e quando estava me recompondo pra vida ele me pediu pra voltar e eu voltei. Tinha muita mágoa dele e nesse mesmo tempo comecei a trabalhar, nesse local existia um moço casado que sempre me dava atenção sabe essas coisas que o diabo coloca na nossa frente pra gente pecar e eu acabei caindo e tive um caso com esse moço. Mais eu me sentia muito mal já me sentia num estado de fundo do poço onde eu não via mais solução pra minha vida. Meu relacionamento não estava bem meu marido que na época era noivo também me traia e eu me via naquela situação horrível eu estava aprisionada, acorrentada no meu pecado. Eu acho que traí ele mais por vingança porque ele sempre foi muito estúpido comigo, nunca se importou com as minhas opiniões. Eu sempre fui a ultima na vida dele, mas mesmo traindo e sendo traída eu sentia que o amava, deixei essa situação ir longe demais. Eu era católica e ate pensei em procurar a ajuda de um padre, na verdade eu pedia pra Deus que me enviasse alguém pra me salvar daquilo que pra mim não tinha mais solução. O meu sogro é pastor e levou uns irmãos para fazerem um culto em casa, foi ai que eu conheci o Deus verdadeiro, aquele irmão me disse tudo o que eu estava sentindo e naquele momento eu estava quase desistindo de tudo e a mão de Deus me alcançou. Foi um sentimento muito bom me sentia leve.., Naquele momento então minha vida mudou Deus havia quebrado todos os laços que me prendiam a aquele moço e eu larguei dele, não foi fácil, comecei a trabalhar a noite e caí algumas vezes na tentação novamente. Foi ai que eu comecei a pedir pra Deus me tirar do meu serviço mais eu queria muito receber o que era meu por direito e eles lá faziam só acordos. Foi então que eu pedi tanto que Deus acabou fechando aquele lugar eu nem acreditava de tanta alegria… Depois disso comecei a servir a Deus de verdade. Eu me casei com meu esposo, me batizei e fiquei firme na igreja depois de um tempo de muita oração pela conversão do meu marido Deus tocou na vida dele, e ele teve um momento de desequilíbrio mental, Deus sabe a forma como tratar cada caso o meu foi dessa maneira, nesse tempo ele me contou que havia me traído com a mãe da filha do meu cunhado eles são separados, e que também teve um caso com uma moça na Bahia em um tempo que ele ficou lá trabalhando e eu fiquei aqui fazendo a obra, esse caso não ficou só lá pois ele mesmo tendo voltado, todo dia falava com ela pelo celular. Eu me senti muito mal pois estava fazendo a vontade de Deus naquele momento e não entendia o porque de tanta bagunça nesse relacionamento. Meu Deus eu fiquei muito triste mesmo eu amo meu marido. Depois que ele se recuperou eu contei pra ele que também tinha traído ele e que tinha tido um caso com um homem casado. Ele com total repulsa me xingou me humilhou e eu sabia que era merecido mais fiquei muito mal, mais ele me perdoou e estamos juntos até hoje. 

Contei um pouco da minha história para perguntar uma coisa pastor. Meu caso ficou entre mim e meu marido, mais ninguém sabe disso e queria saber se isso é errado? Queria saber se estou pecando em não contar isso pra mais pessoas e também na igreja? Tenho medo de não estar na vontade de Deus tudo que eu queria era apagar o meu passado e viver uma nova vida ao lado do meu marido. Me ajude pastor pra que eu posso fazer a coisa certa preciso de uma palavra de Deus. Obrigada pela atenção!!!

 

RESPOSTA 

Irmã, o pecado do homem é, primeiramente, contra Deus, pois é uma afronta ao Criador, uma desonra ao Pai. Por isso Jesus podia perdoar pecados das pessoas, sem perguntar aos ofendidos, pois Ele era o maior ofendido. Além disso, toda pessoa traída aqui, é também pecador e necessita se arrepender de seus próprios pecados. Tal foi o que aconteceu entre você e seu marido. Ambos são adúlteros, mas ambos confessaram seus pecados e se perdoaram. Nada mais precisa ser feito. Ninguém mais precisa ficar sabendo. Ninguém mesmo, pois os interessados (seu marido e você) já sabem e já perdoaram.

Você agora é livre para servir ao Senhor, sem culpa, sem acusação, sem medo. Deixe seu passado com o Senhor, pois o perfeito amor, aquele que Jesus provou na cruz por você, tira e lança longe todo medo. Ele lhe deu uma nova vida não foi para que você ande se escondendo com medo do passado, mas para que se aproxime mais e mais do Senhor, para receber dele luz e verdade e retransmiti-las aos perdidos na mesma prática que você andou antes.

Guarde apenas para você e seu marido esses detalhes. Quando estiver testemunhando a ímpios ou mesmo na congregação, se necessário falar de seus pecados, apenas diga que era uma mulher pecadora, perdida, amante de prazeres, cega quanto ao amor de Deus e quanto à vontade de Deus para sua vida. Mas que um dia compreendeu a misericórdia de Deus e a Graça maravilhosa do perdão de seus pecados, por meio do sacrifício de Jesus na cruz a seu favor, que se arrependeu, recebeu o perdão e agora tem prazer no Senhor.

Isso basta.

Que a graça e a paz do Senhor Jesus lhe sejam multiplicadas e que seu ministério seja abençoado, em Nome de Jesus.

José Adelson de Noronha

5 opiniões sobre “Meu Marido Sabe”

  1. Não contar é pecar.Como sempre digo, a pessoa ao não contar, provavelmente terá que mentir no futuro.E a mentira não leva ao inferno igual ao adultério ?

    A pessoa se livrou do pecado de adultério, pois Jesus a perdoou, ok.
    mas pode tornar a pecar pelo ato da mentira, caso o seu cônjuge pergunte se um dia foi traído.

    O momento e ocasião de contar só Jesus pode lhe orientar.

    Deus abomina o divórcio, mas eu pergunto, Ele aceita a mentira ?, claro que não.
    Ele não abomina a mentira também ?Ore e peça a Deus para lhe orientar sobre o tempo e ocasião de contar.

    Não estou dizendo que é pra você correr e contar igual a uma desesperada, mas um dia você terá que contar e esse dia deve ser antes de sua partida para a eternidade.

    Ou se você no curso de sua vida nunca tiver que responder se já adulterou, então não conte, mas eu DUVIDO que isso aconteça.

    Conselho para não contar é por causa das consequências como por exemplo um possível divórcio, mas a pior consequência é ir para o inferno.

    Adianta manter o casamento e ir para o inferno ?.não digo para acabar com o casamento, eu nunca disse pra ninguém acabar o casamento, mas o medo de perder o casamento não pode ser maior do que ir para o inferno.

    Não digo a ninguém para se separar, pelo contrário, mas o medo das CONSEQUÊNCIAS do pecado é uma coisa e o enfrentamento delas é outra.

    O melhor é orar e aguardar a Deus o momento certo de contar. Espere em Deus que haverá um encontro de casais com Cristo, um evento na Igreja, e Deus irá preparar ocasião oportuna de contar.

    Não deixa que isso tire a sua Paz, pois você deve orar e confiar no Senhor.

    Ele lhe dirá o momento certo.

    Curtir

  2. Minha irmã Tami.

    Li o seu recado, e vamos esperar o que o Senhor plantará no coração do Zé (proprietário do site) para te orientar…E optei por dar minha opinião, e peço que todas as palavras aqui ditas, não seja o MEU pensamento, mas que venha algo de conforto para uma Alma Aflita como a sua.
    Minha irmã…Deus é Deus do perdão, do amor, Deus restitui, renova, refaz, Deus é PODEROSO para te livrar de toda essa angustia e conturbações que passou sua vida e seu casamento.
    Creio que não é necessário CONTAR para as pessoas seus erros…
    Confesse a DEUS, SOMENTE a Deus em oração.
    Se ajoelha no teu quarto e conta ao Senhor e pedi perdão ao Pai.
    Mas se arrependa de todo seu coração e busque uma vida em santidade com o Senhor.
    Claro que se algum dia, em alguma seminário, oração, ou algo do tipo seja necessário vc dar seu testemunho, falar a VERDADE, deve sim falar…orientada POR DEUS… não por nós seres humanos.
    Tami TODOS nós somos falhos, pecadores, não posso ti julgar, apontar meu dedo para seus “erros ou suas falhas” isso é COM VOCÊ E DEUS… não com as pessoas tão falhas como vc.

    Que o Senhor seja teu guia, teu alvo, teu socorro.
    Que vc possa ouvir somente a VOZ DO PAI.

    Fica na Paz.

    Curtir

Escreva seu Comentário ou pergunta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s