Revolta Contra Deus


Paulo Augusto Angelo

pastorpauloangelo@gmail.com

Sou casado há 35 anos com uma mulher maravilhosa, embora eu fosse muito feio. Não me refiro à feiura física, mas à feiura de alma, causada pelo pecado.

Com 3 meses de idade, num acidente, fiquei cego do olho esquerdo e, com 7 anos, quando fiquei sabendo, entrou uma revolta muito grande em meu coração. Revoltei-me contra Deus. Eu olhava para a situação e dizia que Deus não me amava. Como Ele pôde permitir que uma criança de 3 meses ficasse cega?

E, nessa situação, pobre, órfão de pai e sofrendo humilhações na escola, revoltei-me também contra as pessoas, tornando-me um jovem violento, alcoólatra e sem esperança de vida.

Mas no dia 19 de novembro de 1979, há mais de 30 anos, ouvi a notícia maravilhosa de que Deus me amava sim, e que, em sua infinita misericórdia, enviou seu filho amado, Jesus Cristo, que deu Sua vida em sacrifício para perdão de meus pecados. Ouvi dizer que Jesus viveu sem pecar, foi crucificado no lugar do pecador, foi sepultado, mas que ressuscitou ao terceiro dia.

E eu fiz uma oração simples, e nunca mais a minha vida foi a mesma. Eu continuo tendo problemas, falta de dinheiro, cego de um olho, mas a paz que está em meu coração ninguém pode tirar.  Jesus, o Príncipe da Paz, veio a este mundo para perdão dos meus pecados.

O pecado é pior do que o vírus da aids, porque a aids destrói nosso corpo, mas o pecado destrói nossa alma, separando-nos eternamente de Deus. Por isso a grandeza da obra de Jesus na cruz do Calvário. Essa é a mensagem maravilhosa que queremos que você receba de coração. Creia e tenha seus pecados perdoados, sua alma purificada e seu relacionamento com Deus restaurado.

Jesus ama você e quer salvá-lo, se você confessar a Ele o seu desejo de ser salvo. Você é importante para o Reino de Deus. Você é a coroa da criação de Deus. Este testemunho é apenas uma forma de levar a você essa mensagem maravilhosa que pode mudar a sua vida. Você pode fazer diferença de hoje em diante.

Quando Jesus foi crucificado, havia 2 ladrões crucificados com Ele. Um à sua direita e outro à sua esquerda. Durante muito tempo esses ladrões blasfemavam e diziam impropérios contra Jesus: “se Você é filho de Deus, desce daí e tira a gente também”. E o tempo foi passando e Jesus permanecia calado. Quem poderia imaginar que aquele homem, todo machucado, seria o filho de Deus? Até eu, se estivesse lá, teria duvidado de que aquele homem fosse o filho de Deus. Mas ele foi pregado por causa do meu e do seu pecado. Ele deu a vida naquela cruz para que nós tivéssemos vida eterna.

E o tempo naquele monte foi passando e aqueles homens foram dizendo impropérios, mas num dado momento um daqueles homens começou a pensar. E eu convido você, que me lê, a fazer isso agora. Pense. O que levaria pessoas desconhecidas a dar algo a outros, como você está recebendo agora, sem nada pedir em troca, se alguma coisa maravilhosa não tivesse acontecido à vida delas?

Um daqueles ladrões pensou e reconheceu que ambos eram merecedores da pena, mas Jesus não! Jesus era bom. Nada havia feito que pudesse ser recriminado. Pelo contrário, Jesus havia curado enfermos, alimentado multidões, ensinado paz e amor, acolhido os rejeitados.

Aquele ladrão, então, dirigiu-se a Jesus e disse: “Jesus, lembra-te de mim quando vieres no teu reino” e Jesus, que até então estava calado ouvindo impropérios e insultos, respondeu-lhe: “em verdade te digo que ainda hoje estarás comigo no paraíso”.

Jesus vê nossas faltas, nossos defeitos, nossos pecados e insultos contra a santidade de Deus e fica calado. Ele espera que nós paremos, pensemos e reconheçamos que somos pecadores e que necessitamos do perdão de Deus, para então manifestar-se, em amor, a nosso favor.

Jesus não lhe condena, não lhe acusa, mas espera com paciência sua confissão. Hoje pode ser o seu dia. Jesus ama você e deseja dar-lhe a salvação, o perdão e o reino de Deus, o paraíso. Jesus veio para salvar o pecador. Se você já pecou pelo menos uma vez, você precisa de Jesus e hoje pode ser o seu dia, se confessar a ele a sua necessidade de salvação.

Eu oro para que a graça e a paz do Senhor entre em sua vida e em seu coração, eternamente.

8 opiniões sobre “Revolta Contra Deus”

    1. Ok amado…..
      Mas porque se incomodar não é mesmo? Esses 7 minutos que vc perdeu acessando esse blog e digitando e postando, revelam que algo o incomoda tanto. Seria mais sensato usar seu tempo no que gosta e não se incomodando ou insultando os cristãos?

      Ou talvez fosse mais inteligente tentar revogar a cláusula que garante liberdade de culto e de religião no Brasil. Tenta lá…

      Curtir

    2. Amado, para sentir toda revolta contra Deus você deve ter sofrido muito nesta vida mas amado, nesta vida todos sofremos de um feito ou de outro, ninguém escapa e alguns por sofrerem demais ou perderem um ente querido ou um filho ou o pai ou a mãe culpam Deus por seus sofrimentos e se revoltam contra Ele ainda que sejam até ateus. Outros sr tornam

      Curtir

      1. Outros se tornam ateus devido ao seu sofrimento ou ao sofrimento dos outros mas amado, a intenção original de Deus foi que não houvesse sofrimento e nem .
        O ser humano e satanás que estragaram tudo e Deus foi obrigado a fazer justiça e abandonar o homem aos seus próprios caminhos e consequências. Agora a terra está sob maldição e o príncipe dela está sendo o diabo e todos sofrem diz Deus, até as plantas e os animais, a criação inteira gene diz o

        Curtir

        1. A criação toda geme e sofre diz o apóstolo Paulo. E a intenção de Deus era que não houvesse sofrimento e nem morte. Mas está se passando no mundo um conflito entre Deus e satanás, há um litígio e Deus tem que dar tempo ao diabo pois ele disse que iria desviar a todos. Mas no devido tempo Deus irá agir e destruir todo mal e sofrimento

          Curtir

          1. Este assunto e muito complexo amado mas espero que tenha entendido esses pontos básicos e veja que Deus não e nenhum ser cruel, ele simplesmente respeita as escolhas e consequências do agir humano. Deus te abençoe.

            Curtir

  1. Fui casada por 25 anos dois filhos e meu marido me deixou por uma mulher bem mais jovem, chorei, implorei para ele nao me deixar mas de nada adiantou, eamos apaixonados um casamento invejado por muita gente, ele era um pai amoroso, responsavel, maravilhoso. Derepente foi mudando e dentro de seis meses saiu de casa dizendo que nao me amava mais e foi embora. Mora com essa mulher e nao procura mais as filhas parece que acabou o amor por ela tambem. Sinto raiva do mundo e as vezes ate de Deus por ter deixado isso acontecer , porque eu tinha absoluta certeza de que Deus nao deixaria chegar ao ponto que chegou e que me encontro agora . Como crer em Deus e em suas palavras de restauraçao as quais da diariamente para minha filha? Como crer outra vez???

    Curtir

    1. Bom dia ou boa tarde: espero que meu testemunho de vida possa te ajudar; oro para que isto aconteça, senão não haverá outro meio, por que não tem. Aqui vai meu testemunho de vida:

      quando tinha 3 meses de idade, minha mãe saiu para comprar leite e naquela época era num caminhãozinho chamado vaquinha, era comprado num litro de vidro e quando ela descia a rua um caminhão que estava parado perdeu os freios e bateu no ombro de minha mãe me lançando com o litro à distância de uns 5 metros no calçamento. O litro quebrou-se e um caco me cortou o nervo ótico e fiquei cego do olho esquerdo.

      Com 7 anos, quando fiquei sabendo de como acontecera fiquei muito REVOLTADO contra DEUS, duvidava do amor de DEUS, tornei-me alcóolatra, quase um morador de rua, um homem porco, invejoso, mas no dia 19 de novembro de 1979 eu ouvi falar do amor maravilhoso de JESUS por mim e do perdão que ele me deu.

      Descobri que minha revolta era injusta pois eu tinha que revoltar era contra mim mesmo, porque não era melhor do que ninguém, e fiz uma oração entregando minha vida para JESUS CRISTO e o Senhor JESUS tirou toda revolta do meu coração, e me mostrou que não sou melhor do que ninguém. Todos somos iguais.

      Você é tão pecadora quanto seu marido, todos precisamos ser perdoados, foi isto que JESUS fez por nós na cruz do calvário. Precisamos dele. Queria estar na sua condição e não na do seu marido. Mas creia e receba o perdão de JESUS e ore para seu marido também se arrepender. Só em JESUS podemos ter a paz verdadeira. Creia em JESUS CRISTO e perdoe seu marido. Senão ficará sofrendo e vivendo pior que seu marido. A mágoa e rancor destrói a pessoa; o perdão trás refrigério. {AQUELE QUE NÃO PERDOA, DESTRÓI A PONTE QUE TEM QUE PASSAR POR ELA}

      Curtir

Escreva seu Comentário ou pergunta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s