Arquivo da categoria: Tira-dúvidas

Uma Virada no Verbo Eterno


José Adelson de Noronha

 

Amados irmãos e irmãs, que a graça e a paz do Senhor Jesus esteja com todos vocês, assim como em seus lares e projetos de vida.

Como alguns de vocês sabem, estou passando por um período de tribulação pessoal na área de saúde e todos os meus planos, projetos e ministérios tiveram que ser redistribuídos entre o corpo de Cristo.

O Site Verbo Eterno ficou à parte, porque eu esperava, mesmo de casa ou do hospital, dar um certo acompanhamento a vocês, mas, infelizmente, isso não tem sido possível.

Me entristece ver suas questões, pedidos de oração e ajuda e aconselhamentos sem resposta alguma. Eu não posso ser um obreiro morno ou fazer a obra do Senhor relaxadamente.

Por isso, depois de muitas orações decidi que é tempo de abrir o site a outros colaboradores oficiais.

No momento estou orando e buscando do Senhor as indicações desses colaboradores e suas confirmações voluntárias. Até lá, deixarei o site fechado a toda e qualquer participação.

Peço perdão a todos que buscaram o site e não foram atendidos e oro para que seja o Senhor, sempre, a lhes edificar a alma, ensinar, conduzir, guardar, curar e alegrar e, principalmente, a guardar-lhes a fé, a esperança e o amor no coração, em Nome de Jesus.

Dom Irrevogável


PERGUNTA 

Acho esse blog muito bom e as respostas são sempre baseadas na Bíblia, mas lendo uma resposta para a Simone, fiquei em dúvida. Na resposta o pr disse que o Espírito Santo não pode se apartar em hipótese nenhuma de uma pessoa, que Ele é obrigado a conviver conosco, mesmo quando o entristecemos e pecamos. Vou deixar meu ponto de vista e depois gostaria de ter uma explicação a esse respeito. 

Acho que o Espírito Santo não é obrigado a conviver conosco. Nós que servimos a Deus, somos o Templo do Espírito Santo de Deus, logo Ele habita dentro daqueles que o amam e o servem com prazer, em espírito e em verdade. Porém, quando uma pessoa peca deliberadamente, ou seja, tem consciência de seu pecado e mesmo assim persiste no pecado, sem se arrepender e mudar de vida, o Espírito Santo se afasta dessa pessoa, sai dessa pessoa, porque a pessoa deixou de ser Templo do Espírito Santo de Deus. 

O Espírito Santo pode continuar em uma pessoa que peca involuntariamente, que peca mas se arrepende e se esforça para tentar ser nova criatura, mas se a pessoa não se arrepende, se peca voluntariamente, sabendo que está contrariando a vontade de Deus, aí penso que o Espírito Santo de Deus pode sim se retirar da pessoa, se apartar da pessoa. 

Por exemplo: uma pessoa pode num momento de descuido, vulnerabilidade, cair em tentação e pecar, mas depois do pecado, a pessoa pode se arrepender, pedir perdão e misericórdia a Deus e assim alcançar perdão de Deus e assim continuar tendo o Espírito Santo em sua vida, continuar sendo o Templo do Espírito Santo. Esse é meu ponto de vista, baseado em leituras, pregações. Concordo com a parte em que diz que o Espírito Santo se entristece conosco, quando pecamos e ferimos sua Santidade, mas creio que Ele só fica conosco, habitando em nós, quando pecamos e reconhecemos nossos erros e tentamos mudar de conduta, porque somos pecadores e pecamos sempre, mas a pessoa que peca deliberadamente, sabendo que está pecando (adultério, prostituição, idolatria, avareza, calúnia etc.) e permanece no pecado, sem se arrepender e até gostando e amando a vida de pecado que está levando, com o tempo o Espírito Santo se aparta. Gostaria que me esclarecesse esse assunto. Tatá

 

RESPOSTA 

Irmã Tatá, que a graça e a paz do Senhor Jesus esteja contigo. Sua interpretação está correta no que se refere à pessoa que peca deliberadamente e não se entristece com isso e nem deseja mudança de vida. Para essas pessoas poderíamos questionar se, de fato, elas são nascidas de novo. 

Quem não é nascido de novo não é templo do Espírito Santo e, portanto, o Espírito Santo não está nele. Apenas o espírito humano, o qual anseia por um quebrantamento da alma daquela pessoa. Mas a alma fala mais forte que o espírito dela e assim, prevalece, por meio da carne. 

Mas, para aqueles que são nascidos de novo, nascidos do Espírito, não há como o Espírito se afastar delas, mesmo que elas ainda pequem deliberadamente. Sim, porque há crentes carnais, segundo afirma o apóstolo Paulo, mesmo salvos, porém ainda crianças em Cristo (1 Co 3:1-3) 

Sabemos que os dons de Deus são irrevogáveis e o Espírito Santo é o Dom maior que Deus poderia derramar sobre uma pessoa. Portanto, aquele que tem o Espírito Santo de fato, mesmo que ainda permaneça no pecado, ainda assim o Dom do Espírito não lhe é retirado. Essa pessoa entristece o Espírito, mas a não ser que venha a blasfemar contra o Espírito, todo pecado lhe será perdoado. Claro, ela sofrerá disciplina da parte de Deus, sofrerá consequências das suas decisões e atos, mas o Espírito não lhe será retirado, pois os dons de Deus são irrevogáveis (Rm 11:29). 

Essas pessoas, à medida que perseverem em andar com Cristo, irão sendo gradativamente santificadas, num processo contínuo, pela ação do Espírito Santo nelas. 

Espero ter me feito compreender e oro ao Senhor que nos guarde do mal e das tentações, em Nome de Jesus.

José Adelson de Noronha

Falsas Igrejas de Cristo e Falsos Líderes


falsos-profetas-ovejas-lobos

PERGUNTA 

Boa noite pastor! Tenho uma dúvida para tirar!!! Sei que existem pessoas que são escolhidas por Deus e no entanto se deixam corromper na caminhada. Eu tenho algumas dúvidas em relação a “falsos profetas” e tb aqueles q Deus realmente escolheu, mas se corromperam!!! Pastor, hoje em dia vemos muitos sites “gospel” que nada mais são do que uma rede de fofocas.. apontando e julgando atitudes de pastores ou de homens que levam o evangelho de Deus; eu sei que existem muitos homens e mulheres que não são escolhidos de Deus, são aqueles que se intitulam “pastores”, mas apenas para arrecadar com as ovelhinhas. Por outro lado, tem aqueles pastores (muitos famosos, passam culto na tv) que você, a princípio, até via ser usado por Deus, era alguém com sabedoria, que levava uma palavra que toca ao coração, era (ou ainda é) usado por Deus.. mas consequentemente com o crescimento da igreja (e com o aumento de dízimos e ofertas) vemos uma verdadeira ostentação de bens, ou aquele “ar” diferente.. o qual não fazia parte antes. Parece que se corrompeu, decidiu servir ao dinheiro. Algo que eu não compactuo. Não sou contra um homem de Deus ser bem de vida, não mesmo, eu queria isso para todas as pessoas. Mas sou contra, a perda da simplicidade, aquela simplicidade que Deus diz sobre o semeador da palavra. 

Pastor, sei que somos todos humanos e estamos sujeitos a falhas. Nós, como irmãos, acreditamos na mesma fé, no mesmo Deus e na mesma Palavra, devemos ou não, orar por esses irmãos que perderam o foco em Deus e estão se ‘desviando’ pouco a pouco do caminho da salvação? Estão perdendo a simplicidade e se deixando levar pelo o dinheiro, pela a ostentação? 

Minha outra dúvida pastor, é em relação a certos falsos profetas (que o povo diz ser). Pastor, existe uma igreja, não ou citar o nome pq fica feio, mas ela é bem famosa mundialmente, só que infelizmente o seu “dono” já foi filmado ensinando a roubar os fiéis… todas as pessoas do mundo, q não são evangélicas e odeiam a igreja, usam do exemplo dele pra dizer q os pastores são ladrões. Mas pastor, Jesus disse q quem não ajunta, espalha, ou algo parecido rsrs … vc não acha que muitas pessoas chegam a Deus por eles? Conhecem esse caminho por eles? Mesmo q tenham essa fama… quantas e quantas pessoas não conheceram Jesus através deles? Sei q com o tempo, com o discernimento de Deus, talvez a pessoa até vá p uma igreja “melhor”, pq o evangelho pregado lá às vezes é “deturpado”….. 

Eu fico em dúvida com essas coisas… qnto puder, me responda!! Deus abençoe. Bianca

 

RESPOSTA 

Irmã Bianca você esta certíssima em dizer que há verdadeiros homens de Deus que se desviam da sã doutrina, assim como há falsos homens de Deus, ambos na seara, trabalhando. Os primeiros, por alguma razão, perderam o foco, caíram, mas ainda tentam voltar à pureza e santidade originais. Eles necessitam de oração e intercessão, para que sejam restaurados. Os demais, por interesse pessoal, seja de fama ou dinheiro usam em vão o Nome de Deus e também necessitam de oração e intercessão, para que se convertam e sejam santificados.

O apóstolo Paulo recomenda que oremos pelas autoridades, para que tenhamos vida mansa e pacífica. E ele não está falando apenas das autoridades civis, mas de todo tipo de autoridade, inclusive pastores, padres, chefes e até pais. Por isso todo cristão deve orar pelos seus líderes espirituais, assim como pelos que, de alguma forma, os edificam por meio de outros ministérios, seja na TV, na internet ou em literaturas diversas.

O amor ao próximo é o cumprimento da Lei. No amor ao próximo, seja ele merecedor ou não, está a prática cristã em sua integralidade. No mesmo capítulo 13 de Romanos, que fala da obediência à autoridade, o apóstolo fala que não devemos ficar devendo coisa alguma a qualquer pessoa, a não ser o amor, pois por mais que amemos, ainda seremos devedores no que tange ao amor. Ninguém peca por amar e amar muito.

Por isso, vendo um líder espiritual que não anda segundo a sã doutrina, interceda por ele, de todo o seu coração. E também, vendo um líder fiel e temente a Deus, ore por ele, pois ninguém que está de pé está isento de cair. Aproveitando, ore sempre por mim também e seja o Senhor a recompensá-la abundantemente.

Sei de qual denominação a irmã se refere e tenho a firme convicção de que há muitos ensinos deturpados lá sim, mas eu vejo essa denominação como um pronto-socorro para os aflitos.

Muitos que vão lá pela primeira vez estão indo atrás de bênçãos terrenas, como restauração de lar, de saúde ou prosperidade. Estão errados? Isso depende de cada um, individualmente. As pessoas podem ter seus lares restaurados, abençoados até à morte, mas sem arrependimento dos próprios pecados morrerão perdidos. Assim também com a saúde. Poderão ser curadas das enfermidades mais terríveis, mas sem arrependimento, morrerão de velhice, mas perdidas. E nem preciso falar da prosperidade material.

O que, na verdade, todos nós precisamos? De salvação da nossa alma! Quem vier para Jesus apenas por causas das coisas desta vida, será a pessoa mais miserável de todas: “Se a nossa esperança em Cristo se limita apenas a esta vida, somos os mais infelizes de todos os homens” (1 Co 15:19)

Eu espero que aqueles que vão lá por alguma razão terrena encontrem a verdadeira Pérola, o verdadeiro Tesouro, que é Jesus Crucificado por amor a eles. E espero que se convertam e sejam salvos.

Eu oro e peço ao Senhor que continue lhe abençoando, irmã e lhe direcionando os passos pelo Caminho, em Nome de Jesus. Não gosto de aconselhar livros, pois o nosso tempo é curto e devemos gastá-lo no que é pão, isto é, na Bíblia Sagrada, mas quero te recomendar um: O Peregrino. É um livro clássico do cristianismo, escrito há mais de 300 anos e muito bom. Compre-o e leia com carinho e te asseguro que você não se arrependerá.

A Graça e a paz do Senhor Jesus esteja contigo, hoje e sempre

 

José Adelson de Noronha

Marido Sem Desejo Sexual


PERGUNTA 

Olá pastor, sou cristã evangélica e estou vivendo um grande conflito emocional, gostaria de ouvir seu conselho sobre isto. Em todos os livros de aconselhamento para casais que li ou palestras que ouvi, falam que o homem em geral tem mais impulso ou desejo sexual que a mulher e que a mulher sábia deve compreender e satisfazer seu esposo. Esse seria o “normal”, eu estava preparada para isto. Mas depois de 10 anos de casamento o que acontece na minha casa é exatamente o contrario. Eu tenho mais desejo sexual que meu esposo. Nossa vida tem sido um ciclo: passamos semanas até meses sem ter relação sexual, acabo fiando irritada e nervosa, ele tenta se aproximar, eu não quero por já estar chateada, então conversamos, eu explico que não gosto dessa situação, ele promete que vai mudar, fazemos sexo, no outro dia começa tudo de novo, eu espero, espero e nada, semanas, meses e lá vai tudo outra vez. Depois de 10 anos estou cansada de ficar pedindo por sexo. Sinto vontade, desejo, sou jovem e bonita, ele me ama e nos damos bem, mas pra ele uma vez por mês já ta bom demais, enquanto eu gostaria 3 a 4 vezes por semana. Sem falar que nas vezes em que transamos nem é tão bom assim pra mim, ele não me satisfaz sexualmente. Meu marido é um ótimo esposo, eu o amo, não tenho o que reclamar dele. Mas nossa vida sexual, pelo menos para mim tem sido um fracasso. Passo semanas excitada e frustrada. Me sinto mal, não sei se o problema sou eu, será que sou fogosa demais? Luto para fugir do pecado, não quero e não vou dar vazão à pornografia, pensamentos impuros, masturbação, meu relacionamento com Deus é tudo pra mim. Mas enquanto isso parece que vou explodir. Me ajude pastor, que Deus te dê sabedoria para me aconselhar.

 

RESPOSTA 

Filha, você está certa em viver determinada a não pecar, mesmo estando nesse deserto. Não é escassez que leva a pessoa ao pecado, mas a falta de determinação. Adão estava num paraíso, com tudo à mão e ainda assim cedeu ao pecado. Já Jesus estava num deserto e resistiu ao pecado. Muitas pessoas pecam mesmo tendo seus cônjuges sempre á disposição.

Isto pode estar sendo uma prova de Deus em sua vida, pois quem é fiel no pouco é fiel no muito também. Persevere em guardar-se e ser aprovada e quem sabe o Senhor não toque no libido de seu marido, reavivando-o? Aceite a situação sem pecar, mas ore a Deus pedindo que equalize os libidos de ambos. Ele pode fazer isso e você deixará de sofrer.

Mas também converse com seu marido a esse respeito, pois há tratamento. Procurem um urologista, expliquem a situação. Que não seja 3 a 4 vezes por semana, mas também que não seja semanas ou meses de intervalo.

Eu oro para que o Senhor abençoe vocês e fortaleça a comunhão e a intimidade sexual do casal, em Nome de Jesus.

José Adelson de Noronha

Um Poema de Jesus no Céu


PERGUNTA

Queria saber se o senhor pode me ajudar. há um louvor ao qual quero louvar que diz: “Há um lugar pra mim, lá no céu. sim eu sei. perto do meu Senhor sentarei para ouvir a canção que Ele fez pra mim, eu vou, pro céu sim eu sei…”

minha dúvida é: nunca ouvi dizer que Deus tem uma canção preparada pra nós quando subirmos… perguntei a um amigo, mas ele desconhece essa história, e disse que iremos louvar sim ao Senhor, mas uma canção a qual ninguém conhece, mas saberemos louvá-la ao Senhor. O Senhor já ouviu falar sobre isso? procurei na palavra mas não consegui achar.

obrigado e A paz! Anderson Fabiano

 

RESPOSTA

A paz do Senhor, amado.

Quando eu ouço algum cantor talentoso vocalmente, como Andrea Bocelli, por exemplo, eu me pego sonhando com o dia em que Jesus irá cantar para mim, olhando em meus olhos, aquela canção exclusiva entre Ele e eu, composta por Ele, para mim, por amor a mim.

E te asseguro que não estou dizendo nenhuma blasfêmia, pois se o Senhor, criador de todas as coisas, foi capaz de dotar pecadores, com cordas vocais tão ricas, harmoniosas e poderosas, como seriam as cordas vocais do próprio Jesus? E com que ardor no coração ele cantaria para mim, pois me ama tanto a ponto de ter dado a vida na cruz do Calvário, para me ter com ele eternamente?

Jesus cantava com seus discípulos (Mc 14:26).

E bíblicamente está escrito que Ele cantará para sua noiva pois todo o livro de Cantares (ou Cântico dos Cânticos) é um verdadeiro poema lírico entre o Noivo (Jesus) e a sua noiva (a Igreja): “Eis que és formosa, ó querida minha, eis que és formosa; os teus olhos são como os das pombas” (Ct 1:15).

E claro, também cantarei para Ele, de todo o meu coração: “Beija-me com os beijos de tua boca; porque melhor é o teu amor do que o vinho. Suave é o aroma dos teus unguentos, como unguento derramado é o teu nome;” (Ct 1:2,3).

Irmão, não tenha medo de amar ao Senhor de todo o seu coração, com toda a sua alma, com todo o seu entendimento e de todas as suas forças. Não deixe que preconceitos ou idéias de homens deturpem ou diminuam o amor que Deus espera de você, pois Ele realmente te ama com amor tão extraordinário que é até incompreensível para nós.

Que a graça e a paz do Senhor Jesus, o homem perfeito, inunde seu coração, hoje e sempre.